Qual é a renda máxima para participar do FIES 2022?

Fique por dentro da renda máxima permitida para ter acesso ao FIES.

Em 1999, foi criado o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) pelo Ministério da Educação (MEC). O objetivo do programa é financiar a educação superior de estudantes matriculados em faculdades privadas.

Entretanto, existem duas modalidades para ter acesso ao FIES e é necessário atender a uma série de requisitos. Uma das condições que diferencia essas categorias é a renda do(a) candidato(a). Confira este artigo e entenda qual a renda máxima para participar do FIES 2022.

Leia mais: FIES em atraso: Veja como realizar o pagamento das parcelas pendentes

FIES 2022: Regras e renda máxima

Desde sua criação, o financiamento estudantil só poderia ser feito junto a bancos públicos, como o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal. Contudo, no ano de 2008, o MEC também estabeleceu parcerias com instituições financeiras privadas, surgindo o P-Fies.

Assim, o(a) estudante pode financiar os seus estudos com bancos particulares e ter acesso a planos específicos de juros e parcelamento. No entanto, em ambas as modalidades, tanto no FIES, quanto no P-Fies, o(a) candidato(a) só quita as mensalidades quando concluir a graduação e estiver trabalhando.

Deste modo, durante o curso, o(a) estudante só costuma pagar o seguro de vida e as taxas bancárias. Mas após o término da graduação, é necessário quitar as parcelas que foram diluídas em um número maior e um valor menor. Se, por algum motivo, o recém-formado não conseguir pagar as parcelas no tempo previsto, existem cláusulas no contrato que ajudam o(a) estudante nessa etapa.

Regras FIES 2022

Independentemente da modalidade, o(a) candidato(a) precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Assim, a nota média na prova tem que ser de, no mínimo, 450 pontos e deve ter atingido pelo menos 400 pontos na redação.

O outro requisito para participar do FIES é referente à renda, os valores variam de acordo com a categoria. A renda familiar do FIES é de no máximo três salários mínimos per capita. Já no P-Fies, a renda familiar pode ser um pouco maior, de até cinco salários mínimos.

Para se inscrever é bem simples, basta você acessar o portal do FIES, clicar em “primeiro acesso” e fazer o cadastro. Preencha todos os seus dados pessoais, finalize a inscrição, escolha o curso desejado e selecione a melhor forma de financiamento para você.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More