Saiba mais sobre a missão de fotografar toda a superfície de Marte

Algumas imagens da missão chinesa Tianwen-1 foram divulgadas.

O orbitador da missão chinesa Tianwen-1 completou seu objetivo de fotografar toda a superfície de Marte, incluindo os polos, em um pouco mais de um ano depois que entrou na órbita do planeta vermelho. Até agora, todos os veículos envolvidos na missão, nomeadamente o orbitador e o rover Zhurong, cumpriram os seus objetivos principais. Dessa forma, confira agora mais informações sobre a missão realizada pela China.

Foto: CNSA/PEC

Leia mais: A estranha história do menino russo que dizia ter vivido em Marte

Sobre a missão Tianwen-1

Com o significado de “busca pela verdade celestial”, a missão Tianwen-1 consiste em um orbitador, um rover e um módulo de pouso que estuda Marte. O objetivo é fazer com que a superfície do planeta seja fotografada para determinar o melhor local de pouso e, em seguida, soltar o módulo contendo o rover na superfície.

Foto: CNSA/PEC

A captação de dados da missão Tianwen-1

A Agência Espacial Nacional da China (CNSA, na sigla em inglês) divulgou a notícia de sucesso da missão na rede social chinesa Weibo no dia 29 de junho. Um total de 1.040 GB de dados foram coletados por 13 cargas científicas montadas no orbitador e rover, que são regularmente enviadas de volta à Terra e analisadas pelos cientistas.

Foto: CNSA/PEC

Uma sonda tem que fazer mais de 1,3 mil voltas ao redor do planeta para obter imagens de toda a superfície de Marte. As imagens criadas têm uma resolução típica mediana e já foram compartilhadas com a NASA (Agência Espacial Norte-Americana) e a Agência Espacial Europeia (ESA, em inglês). Os dados científicos, por outro lado, serão disponibilizados em breve.

O parceiro na missão: rover Zhurong

Junto com as imagens da órbita, a China também tem “olhos” na superfície de Marte graças ao rover Zhurong. Ele já havia viajado cerca de dois quilômetros acima da superfície do planeta quando, em 18 de maio, entrou em um período de hibernação para se proteger do inverno rigoroso. Foi previsto que o trabalho destinado ao rover não pare e tenha um retorno seguro no final do ano, perto do mês de dezembro, quando a região do planeta experimentar a estação mais tranquila da primavera.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More