Beisebol: história, origem, regras e jogadores

Saiba tudo sobre o esporte, que apesar de não ter uma origem certa, ganhou milhares de adeptos ao redor do mundo.

0

Beisebol, basebol ou baseball, apesar de pouco praticado no Brasil, é um esporte que possui muitos adeptos na América do Norte. É disputado por duas equipes, utilizando, para isso, uma bola e um taco.

Pode ser praticado tanto por homens, quanto por mulheres, em locais abertos ou fechados. Entretanto, a prática masculina em locais abertos é a mais comum.

História e origem do Beisebol

Há quem defenda que o Beisebol foi criado nos Estados Unidos, em 1839, pelo oficial combatente Abner Doubleday. Do mesmo modo, outros tantos defendem que ele é uma criação legitimamente inglesa.

Abner Doubleday
Abner Doubleday

A segunda é muito bem aceita, principalmente, porque no século XVIII, na Inglaterra, havia um jogo muito semelhante, mas chamado de “rounders”. Dessa forma, é estabelecida a teoria de que o esporte foi levado aos Estados Unidos pelos imigrantes ingleses.

Oficialmente, a National League, que é uma das instituições mais antigas da modalidade na América do Norte, reconhece Doubleday como o responsável por estabelecer as bases do esporte, de modo que a primeira partida foi disputada em Nova York em 1839.

Já o Congresso Nacional norte-americano, em 1953, declarou oficialmente que Alexander Cartwright foi o criador do esporte, embora alguns historiadores apontem que ele apenas contribui para a consolidação das regras do beisebol.

Antes de tudo isso, no século XIV, há registro documental de um esporte com características semelhantes na França. Levando em consideração este fato, a origem da modalidade fica ainda mais incerta.

Apesar de tudo, no decorrer do tempo o beisebol ganhou muita popularidade ao redor do mundo, principalmente na América do Norte. Nos Estados Unidos, principalmente, ele é um fator cultural importantíssimo. Além de muitos adeptos ao esporte, as competições ao redor do país reúnem uma infinidade de de torcedores.

No Brasil, este não é um esporte muito praticado. O beisebol chegou ao país em 1936, na cidade de São Paulo. No início, o maior destaque na prática ficou por conta dos imigrantes norte-americanos e japoneses que residiam aqui.

Em relação às Olimpíadas, a modalidade esteve presente pela primeira vez nos jogos de 1992, realizados em Barcelona, na Espanha. Entretanto, a participação durou somente até a edição de 2012. A boa notícia é que o Comitê Olímpico decidiu pela volta do beisebol nas Olimpíadas de 2020, sediadas em Tóquio.

Regras, fundamentos e como jogar Beisebol

Os jogos de beisebol costumam aparecer muito nos filmes e seriados norte-americanos. Entretanto, a maioria das pessoas desconhecem as regras e acabam um pouco pedidas pelas imagens.

Para sanar todas as dúvidas em relação às regras do esporte, listamos as principais, além de alguns fundamentos da modalidade.

  • O objetivo dos jogadores em posição de ataque é marcar pontos por meio de bolas rebatidas e do percursos das bases sem serem eliminados;
  • Já os jogadores de defesa são responsáveis por eliminar atacantes do time adversário sem perder pontos;
  • As partidas não possuem tempo definido, contudo, cada uma delas, obrigatoriamente, tem nove entradas. As entradas são definidas como um tempo em que o time assume o ataque e a defesa;
  • Uma das equipes, a que ficará em posição de defesa, entra em campo com nove jogadores, enquanto a outra, em posição de ataque, entra com apenas um;
  • Quando um arremessador lança a bola, o rebatedor deve rebatê-la e percorrer as quatro bases do campo até que um jogador da defesa devolva a bola para aqueles que guardam as bases;
  • Os nove jogadores do time devem tomar a posição de batedor, de acordo com uma sequência estabelecida previamente;
  • No caso de um batedor não conseguir completar as quatro bases em um única jogada, outro jogador do mesmo time deverá entrar como batedor, de modo que ele retome da base onde parou;
  • Não há empates no beisebol. Se houver empates, novas entradas vão sendo adicionadas até que um equipe ultrapasse a outra e vença a partida;
  • Os pontos são marcados de acordo com a trajetória percorrida pelos jogadores, assim, a equipe que ao final tiver mais corridas será a vencedora.

Campo

Oficialmente, o campo de beisebol não tem uma medida definida, mas seu tamanho, em média, é de quase dois campos de futebol. Ele possui a forma de um diamante, e é dividido em território válido e território inválido.

Campo de Beisebol
Campo de Beisebol

A marcação do território válido é feito por meio de duas linhas perpendiculares ao home plate. Dentro das linhas, conforme visto na imagem, é que acontecem as principais jogadas da partida.

O território válido é dividido em campo interno (primeira, segunda e terceira base, placa de arremessador e home plate) e campo externo (fundo direito, central e esquerdo).

Jogadores

Uma partida de beisebol é disputada por duas equipes com 9 jogadores em cada uma delas. Eles podem ser classificados tanto pela posição que ocupam em campo quanto pela função que exercem durante os jogos.

Posições dos jogadores de Beisebol
Posições dos jogadores de Beisebol

Arremessador (pitcher) – este é o principal jogador de uma equipe. Ele é o responsável por arremessar a bola de forma que jogador do time adversário não consiga rebater.

Apanhador (catcher) – a função desse jogador é apanhar as bolas jogadas pelos arremessadores caso ela não tenha sido rebatida pelo jogador do outro time.

Primeira-base (first baseman) – é o responsável por defender a primeira base e dar cobertura para as jogadas nela feitas.

Segunda-base (second baseman) – ocupa a segunda fase e atua em conjunto com o primeira-base em uma jogada chamada double play.

Terceira-base (third baseman) – é o responsável por ocupar e defender a terceira base, assim como cobrir as jogadas feitas nela.

Interbases (shortstop) – este jogador fica no espaço entre a segunda e a terceira base, cobrindo a segunda base em caso de jogadas double play.

Campista esquerdo (left fielder) – defende a área do campo esquerdo.

Campista central (center fielder) – defende a área do campo direito.

Campista direito (right fielder) – tem como função rebater a bola lançada pelo arremessador.

Equipamentos

Além dos equipamentos usados nas jogadas propriamente ditas, há também aqueles que garantem a proteção individual dos jogadores, tornando-se portanto, essenciais no esporte.

Equipamentos do Beisebol

Taco: um dos principais ícones do esporte, os tacos de beisebol normalmente são feitos de madeira, medindo até 1,5m de comprimento e pesando até 1 kg.

Bola: a bola utilizada no esporte é relativamente pequena. Ela mede entre 10 e 40 centímetros e pesa cerca de 140 gramas. É feita de cortiça, lã, algodão, borracha e revestida por couro. Ao longo da partida são substituídas diversas vezes por ter uma vida útil bem curta.

Luva: é feita em couro com costuras reforçadas de linhas que podem ser de algodão, poliéster ou náilon.

Além destes, todos os jogadores usam um uniforme completo, com camiseta, calça, cinto, meia, boné e chuteira. Alguns, podem usar ainda, capacetes, protetores peitorais, máscara, caneleiras, entre outros.

Conheça detalhes de outros esportes:

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.