20 frases de Carlos Drummond de Andrade – O escritor e poeta brasileiro

O escritor, contista, cronista e poeta Carlos Drummond de Andrade deixou como herança as suas frases e pensamentos sobre o amor, a amizade e a educação.

0

Carlos Drummond de Andrade é um dos maiores escritores brasileiros, intitulado pelo mineiro Otto Lara Resende como o “Grande poeta universal do Brasil”.

Escritor, poeta, contista e cronista, o mineiro fez parte da segunda geração modernista e deixou uma herança para a literatura brasileira e a nossa cultura.

Na orla da praia de Copacabana ainda está presente a estátua de Carlos Drummond de Andrade, instalada em 2002, como homenagem ao seu centenário e em uma forma de lhe manter vivo na memória.

Veja a seguir 20 frases de Carlos Drummond de Andrade:

20 Frases de Carlos Drummond de Andrade

Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.

Perder tempo em aprender coisas que não interessam, priva-nos de descobrir coisas interessantes.

O mundo é grande e cabe nesta janela sobre o mar. O mar é grande e cabe na cama e no colchão de amar. O amor é grande e cabe no breve espaço de beijar.

Os homens distinguem-se pelo que fazem; as mulheres, pelo que levam os homens a fazer.

A amizade é um meio de nos isolarmos da humanidade cultivando algumas pessoas.

Só é lutador quem sabe lutar consigo mesmo.

Há duas épocas na vida, infância e velhice, em que a felicidade está numa caixa de bombons.

Como as plantas, a amizade não deve ser muito nem pouco regada.

Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis.

Eterno é tudo aquilo que dura uma fração de segundo, mas com tamanha intensidade que se petrifica e nenhuma força o resgata.

Também temos saudade do que não existiu, e dói bastante.

Sentimos saudade de certos momentos da nossa vida e de certos momentos de pessoas que passaram por ela.

Um dia desses, eu separo um tempinho e ponho em dia todos os choros que não tenho tido tempo de chorar.

Se eu gosto de poesia?
Gosto de gente, bichos, plantas, lugares, chocolate, vinho, papos amenos, amizade, amor.
Acho que a poesia está contida nisso tudo.

Para ganhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre.

Democracia é a forma de governo em que o povo imagina estar no poder.

A educação visa melhorar a natureza do homem o que nem sempre é aceite pelo interessado.

Há certo gosto em pensar sozinho. É ato individual, como nascer e morrer.

O povo toma pileques de ilusão com futebol e carnaval. São estas as suas duas fontes de sonho.

Depressa, que o amor não pode esperar!

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.