Google fará mapeamento das eleições de 2022

Plataforma vai ser capaz de mostrar um relatório detalhando anúncios pagos de candidatos e partidos políticos.

O Google anunciou nesta terça-feira (6) na 4ª edição do Google for Brasil em São Paulo, uma plataforma que dará os dados em tempo real sobre as eleições presidenciais. A empresa também irá detalhar anúncios pagos por candidatos, partidos políticos e funcionários do governo. O portal será lançado em 16 de agosto, quando a campanha começa oficialmente. Confira agora mais informações sobre o mapeamento das eleições de 2022 do Google!

Leia mais: Eleições: confira o calendário eleitoral de 2022

Todos os anúncios que os políticos pagam por meio do Google Ads e do Display & Vídeo 360 serão detalhados pelo relatório de transparência do Google. Assim, o Brasil se torna o nono país do mundo a aceitar o programa.

Relatório do “Eleições na Busca 2022”

O programa chamado de Eleições na Busca 2022 vai ser lançado pelo Google e será o relatório inédito, que será impresso e digital. Esse documento vai incluir todos os dados de buscas feitas pelos usuários brasileiros nos últimos anos, se tratando de temas importantes como economia, segurança e saúde no Brasil.

Com isso, seu objetivo se dá por fornecer um documento valioso que faça com que seja refletido os anseios e angústias da população. Além de também acabar se tornando um documento muito bom para pesquisadores, jornalistas, gestores públicos e qualquer outro que esteja interessado. A previsão desse relatório é que ele seja divulgado no mês de julho.

Google Trends: Eleições Presidenciais 2022

A gigante das buscas também anunciou o lançamento do Google Trends para as eleições para presidentes que ocorrerão neste ano de 2022, que fornecerá dados em tempo real sobre candidatos e partidos políticos. Outro aspecto trazido será sobre as principais questões que dizem respeito aos tópicos relacionados à campanha e as maiores tendências no ciclo eleitoral, assim como ao que foi lançado no ano de eleições de 2018 e de 2020.

Dessa forma, a plataforma, que entrará no ar na quinzena do mês de agosto – dia em que o Brasil inicia oficialmente sua campanha eleitoral, ajudará as pessoas a identificar rapidamente as principais preocupações e interesses dos brasileiros sobre o tema. Assim, facilitando o acesso às informações e construindo uma consciência política maior e mais instruída.

você pode gostar também

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More