Mendelévio – Elemento Químico Mendelévio (Md)

Até o momento apenas amostras microscópicas deste elemento foram obtidas, por isso não há nenhum uso do mendelévio conhecido.

0

O mendelévio é um elemento químico de símbolo Md, número atômico 101 (101 prótons e 101 elétrons) e de massa atômica igual a 258 u.

Trata-se de um elemento metálico, radioativo, transurânico, pertencente ao grupo dos actinídeos. Por ser um elemento transurânico, o mendelévio não ocorre naturalmente e também emite radiação.

Por esse motivo, sua utilização se restringe aos grandes centros de pesquisa.

Não tem participação no metabolismos de organismos vivos, mesmo que a sua radioatividade cause efeitos deletérios nos mesmos.

História

Uma equipe de cientistas norte-americana formada por Albert Ghiorso (líder da equipe), Glenn T. Seaborg, Bernard Harvey, e Greg Choppin foi responsável pela síntese do mendelévio em 1955.

O experimento se deu a partir do bombardeamento de einstênio-253 com partículas alfa (núcleos de hélio) no “Laboratório de Radiação Berkeley” em um ciclotron (60 polegadas). O resultado foi a produção do 256Md (meia-vida de 76 minutos).

O elemento 101 foi o nono elemento transurânico sintetizado. Seu nome foi dado em homenagem ao químico russo Dmitri Mendeleev, que desenvolveu os alicerces da tabela periódica atual.

Usos

O mendelévio é usado somente para pesquisas.

Isótopos

Até então, 15 radioisótopos do mendelévio foram identificados, de forma que os mais estáveis são o Md-258 com uma meia vida de 51,5 dias, o Md-260 com uma meia vida de 31,8 dias e Md-257 com uma meia vida de 5,52 horas.

O restante dos radioisótopos apresentam uma meia vida abaixo de 97 minutos.

Isótopos mais estáveis
iso AN Meia-vida MD Ed PD
MeV
257Md sintético 5,52 h ε
α
FE
0,406
7,558
257Fm
253Es
PF
258Md sintético 51,5 d ε 1,230 258Fm
260Md sintético 31,8 d ε
β−
α
FE

1,000
7,000
260Fm
260No
260Es
PF

Propriedades

Pouco se conhece sobre mendelévio, porém, se tem conhecimento que este é um elemento químico transurânico metálico e artificial, radioativo, apresenta coloração branca prateada ou acinzentada.

Dados

Número atômico: 101;
Configuração eletrônica:
 [Rn]5f137s2;
Número de massa do primeiro nuclídeo descoberto:
 256 (meia vida = 1,3 horas);
Massa atômica:
 (258,0) amu;
Ponto de fusão e ebulição: Desconhecido;
Número de prótons / Elétrons: 101;
Número de nêutrons: 157;
Cristal Estrutura: Desconhecido;
Densidade @ 293 K: Desconhecido;
Cor: Desconhecida;
Data da descoberta:
 1955;.
Descobridor: GT Seaborg

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.