Parecer descritivo do aluno na Educação Infantil (4 anos)

O parecer descritivo é um documento que retrata o desenvolvimento do aluno em um determinado período. Confira alguns exemplos.


O parecer descritivo do aluno é um registro que permite uma observação sobre os avanços dos alunos. No documento, é descrita sua trajetória de aprendizado, além de serem estabelecidos os pontos de chegada para cada período de avaliação.

Na elaboração do documento, o educador deve descrever o desenvolvimento de cada criança, destacando seus avanços e conquistas. Além disso, é necessário expor quais intervenções devem ser feitas durante o processo de aprendizagem.

É importante destacar que o documento se integrará ao histórico escolar do aluno. Entretanto, cuidado com as expressões pejorativas ou ambiguidades.

Confira agora alguns exemplos de parecer descritivo do aluno.

Modelo 1

Nos últimos meses, o (nome do estudante) demonstrou estar mais à vontade com o ambiente. Nos momentos de leitura de histórias, é muito atencioso e se diverte bastante com as cantigas de roda.

Na hora do lanche, costuma deixar sobras no prato, principalmente frutas e legumes. É importante destacar que uma alimentação saudável é fundamental para essa fase de crescimento. Com isso, estamos pensando em estratégias para introduzir esse hábito nas crianças.

Durante as atividades recreativas, o (nome do estudante) participa ativamente com os outros colegas, demonstrando um bom desenvolvimento de sua coordenação motora.

Na sala de aula, o (nome do estudante) tem preferência por atividades que envolvam pintura e nem sempre se dedica nos exercícios de colagens.

Modelo 2

Percebe-que que o progresso de (nome do estudante) durante este período foi positivo. Inicialmente, ele se sentia desconfortável no ambiente, gerando pequenas brigas com os colegas de sala.

Atualmente, tem sido mais cordial com os outros estudantes, além de ter desenvolvido o hábito de dividir. Nos momentos de lanche, se alimenta bem e raramente deixa comida no prato.

Na hora de realizar as atividades de sala, demonstra facilidade em associar letras e números. Além disso, é muito caprichoso na hora de desenhar e pintar, buscando sempre associar a pintura à realidade.

Nos momentos de recreação, seu espírito de equipe tem se desenvolvido cada vez mais. Em muitas situações, acaba tomando a liderança do grupo, dividindo o que cada integrante deve fazer.

Modelo 3

Observando o desempenho do (nome do estudante), pode-se concluir que ele demonstra ter grande respeito pelos colegas e professores, além de ter muita facilidade para trabalhar em grupo.

(nome do estudante) é muito participativo nas atividades de recreação e se dedica ao máximo para obter bons resultados. Além disso, nos momentos de história, gosta de opinar e ainda cria novas versões para as narrativas.

Na sala de aula, costuma se distrair com facilidades das atividades propostas, iniciando conversas paralelas com outros colegas. Dessa forma, alguns exercícios acabam incompletos.

Além disso, tem um grande apreço pela música. O (nome do estudante) costuma aprender as letras das cantigas com muita facilidade e ainda corrige quando algum colega canta errado.

Modelo 4

(nome do estudante), nos últimos meses, demonstrou ser uma criança que fala pouco e prefere passar o tempo sozinha, sendo mais tímida.

Seu processo de adaptação ainda está se desenvolvendo, já que o (nome do aluno) ainda chora por conta da ausência dos pais e quando tem vontade de brincar, prefere fazer algo que não exija muita comunicação.

Nas atividades em grupo, apenas faz a sua parte, ou até mesmo deixa de fazer. Isso inclui os exercícios propostos em sala de aula e também as recreações.

Estamos trabalhando nesse ponto com o (nome do estudante), mas entendemos que cada aluno tem os seu momento para se sentir mais à vontade em um ambiente escolar.

Modelo 5

No último semestre, o (nome do estudante) passou a desenvolver melhor sua habilidade de trabalhar em grupo. Anteriormente, por ter um forte espírito de competitividade, tentava fazer tudo sozinho e tirava a oportunidade dos colegas.

Hoje, passou a ser mais participativo nos momentos de leitura. O aluno tem o hábito de tentar adivinhar o final da história, sempre demonstrando muita criatividade.

Além disso, nas atividades que envolvem música ou dança, gosta de fazer tudo exatamente como ensinado e se chateia quando alguma coisa sai errada.

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.