Projeto Dia do Professor

Conheça a história da data comemorativa e confira algumas ideias e sugestões para tornar o dia, e a semana, ainda mais especiais.

0

No Brasil, o Dia do Professor é comemorado no dia 15 de outubro. Assim como outras datas comemorativas do país, a escolha não foi aleatória, e portanto, há uma história por trás dela.

Para contar a história da data é necessário voltar ao período imperial. Naquela época, especificamente no dia 15 de outubro de 1827, D. Pedro I baixou o Decreto Imperial que implementou o Ensino Elementar no Brasil.

Por meio desse documento foi firmado que todas as vilas e cidades, obrigatoriamente, deveriam ter escolas de primeiras letras, atualmente o ensino fundamental.

Além do mais, o decreto tratava de assuntos como a descentralização do ensino, salários dos professores e como eles deveriam ser contratados e a grade de matérias que seriam lecionadas.

Ficou determinado que os meninos deveriam aprender sobre a ler e a escrever, as quatro operações matemáticas e noções gerais de geometria práticas. Essa última foi excluída para as meninas e em substituição, foram colocadas as prendas como cozinhar, costurar e bordar.

Porém, somente depois de 120 anos da publicação do decreto, em 1947, um professor paulista teve a ideia de transformar o dia em um feriado em homenagem aos professores.

Mas além da homenagem, existia um desejo por trás dessa sugestão. Naquela época o segundo semestre letivo era muito cansativo. As aulas iam de 1 de junho a 15 de dezembro, com apenas dez dias de férias. Tanto professores, quanto alunos, ficavam exaustos.

Foi então que um grupo de quatro professores, sob liderança de Samuel Becker, tiveram a ideia de organizar um dia de folga para proporcionar algum descanso, ainda que pequeno. O dia também seria usado para discutir como seriam os dias letivos restantes.

A sugestão da folga no dia 15 de outubro foi acatada e a adesão de alunos e professores foi alta. Rapidamente a celebração se espalhou pela cidade e pelo restante do país.

Nacionalmente o feriado foi oficializado pelo Decreto Federal 52.682, de 14 de outubro de 1963. De acordo com o texto da lei, “Para comemorar condignamente o Dia do Professor, os estabelecimentos de ensino farão promover solenidades, em que se enalteça a função do mestre na sociedade moderna, fazendo participar os alunos e as famílias”.

Até hoje, mais de 50 anos depois, a data ainda é usada para homenagear os responsáveis pela educação brasileira, desde os docentes da educação infantil, até os do ensino superior universitário. A profissão é uma das mais importantes, e nobres, de todo o mundo, já que é base para todas as outras.

Projeto Dia do Professor

Justificativa

Ser professor é uma das tarefas mais belas, e árduas, que alguém pode ter. Sem professores a existência das demais profissões ficariam seriamente comprometidas. Esses profissionais empenham-se diariamente para a construção de um mundo melhor por meio de algo crucial, a educação. Dessa forma, nada mais justo que homenageá-los.

Contudo, são extremamente desvalorizados. Prova disso são os baixos salários e as condições de trabalho restritas, agravadas na rede pública. Mudar essa realidade é muito importante, principalmente através da conscientização acerca do quanto os mestres são fundamentais para o bom desenvolvimento da sociedade. Portanto, nada melhor do que levantar essas questões no próprio ambiente de trabalho.

Objetivos

  • Estimular a autoestima dos professores;
  • Proporcionar momentos de lazer e descontração no ambiente escolar;
  • Promover interação entre o corpo docente;
  • Desenvolvimento da coordenação motora fina;
  • Trabalhar a linguagem oral e escrita;
  • Incentivar a produção artística;
  • Desenvolver o emocional por meio da compreensão dos sentimentos (admiração, carinho, respeito e empatia, por exemplo).

Desenvolvimento

  • Textos informativos;
  • Atividades pedagógicas para imprimir;
  • Momento de conversa sobre a importância da profissão, como se tornar um professor, áreas de atuação, qual a rotina de um docente, entre outros;
  • Criação de textos espontâneos em homenagem aos professores e ilustração dos mesmos;
  • Confecção de um varal com recadinhos para os professores em sala de aula (fixe um barbante em dois pontos e prenda as produções com pregadores de roupa);
  • Cartazes e murais para a recepção dos professores durante a semana;
  • Desenho livre;
  • Momento de diálogo suscitando as melhores lembranças que os estudantes têm a respeito de seus professores;
  • Pesquisa informal com os pais sobre como os mestres os influenciaram, por exemplo, na escolha da carreira e se algum docente foi marcante;
  • Criação de cartões para presentear os professores (é possível usar recortes de revista, lápis de cor, giz de cera, papéis coloridos, etc.);
  • Lembrancinha para o Dia do Professor;
  • Realização de dinâmicas com os docentes;
  • Organização de uma confraternização com lanche coletivo;
  • Apresentações artísticas e leitura de mensagens em homenagem aos professores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.