Rádio – Elemento Químico Rádio (Ra)

O rádio é o mais pesado dos metais alcalino-terrosos, sendo intensamente radioativo e assemelha-se quimicamente ao bário.

0

Símbolo do elemento químico rádioO rádio é um elemento químico de símbolo Ra, número atômico 88 (88 prótons e 88 elétrons) com massa atômica [226] u, pertencente a família dos metais alcalino-terrosos, grupo 2 ou IIA da classificação periódica dos elementos.

Quando na temperatura ambiente, o rádio encontra-se no estado sólido. É comumente encontrado em minerais de urânio como na pechblenda, sendo um metal altamente radioativo.

As suas aplicações ocorrem em função de seu caráter radioativo. Já foi usado na medicina, porém, posteriormente, foi substituído por radioisótopos mais eficientes.

História

Pierre e Marie Curie
Pierre e Marie Curie em 1895

A descoberta se deu em 1898 por Marie Curie (1867-1934) e seu marido Pierre Curie (1859-1906). Os cientistas observaram que a pechblenda (óxido de urânio) era um minério muito mais radioativo do que o urânio que o compunha.

Em função disso, eles suspeitaram da existência de outro elemento radioativo devido a sua composição. Após um trabalho árduo, os cientistas conseguiram isolar tal elemento.

Depois de três de meses trabalho, eles conseguiram isolar um elemento radioativo. Ao final do experimento, o elemento recebeu o nome de polônio, em homenagem à Polônia, terra natal de Marie Curie.

Porém, o minério ainda se mostrava mais radioativo do que o polônio. Por isso, continuaram em seus trabalhos e experimentos, com a ajuda de Gustave Bémont (1867-1932), obteve-se uma fração que possuía o elemento mais radioativo até então descoberto, que chamaram, então, finalmente, recebeu o nome de rádio (do latim radius, que significa “raio”).

Após quatro anos trabalhando árduo, Marie Curie, Pierre e outros colaboradores, conseguiram isolar 1 decigrama de rádio metálico puro. Marie também foi responsável por determinar a massa molar do rádio e algumas de suas propriedades. Por isso, esse elemento brilha no escuro e tem radioatividade 2000 vezes maior que a do urânio.

Isótopos

Simb % Natural Massa Meia Vida Decaimento
223Ra 0 223,0185 11,435 d a p/ 219Rn
14C
224Ra 0 224,0202 3,66 d a p/ 220Rn
12C
225Ra 0 225,0236 14,9 d b– p/ 225Ac
226Ra 0 226,0254 1,599 103 a a p/ 222Rn
14C
227Ra 0 227,0292 42 m b– p/ 227Ac
228Ra 0 228,0311 5,76 a b– p/ 228Ac

Propriedades

Rádio - Elemento químico
Rádio galvanizado em uma mínima amostra de lâmina de cobre e coberto com poliuretano para evitar reações com o ar.
  • O rádio possui um ponto de fusão de cerca de 700 ºC,  ponto de ebulição em média de 1140 ºC, sua densidade é de 5,0 g/cm3 e sua massa atômica é 226,05 g/mol.
  • O Rádio combina-se com a maioria dos não-metais, tais como oxigênio, flúor, cloro, e azoto.
  • Reage com os ácidos com a formação de gás hidrogênio.
  • É brilhante quando novo mas escurece no ar, provavelmente devido à formação do nitreto. Reage com  a água, é luminescente e dá uma coloração vermelha a chamas.
  • É um emissor de radiação alfa, beta e gama. Produz nêutrons se misturado com berílio.
  • A unidade de atividade Curie é definida como a taxa de desintegração de 1 g de 226Ra (3,7 1010 por segundo).

Para que serve?

Por ser altamente radioativo, o Rádio tem algumas especificidades de utilização.

O Rádio-223, por exemplo, é por vezes utilizado para tratar câncer de próstata que se espalhou para os ossos. Por estar no mesmo grupo como o cálcio, ele é usado para direcionar células ósseas cancerosas. Das partículas alfa que podem matar as células cancerosas.

O gás radônio, emitido pelo rádio na proporção de aproximadamente 0,0001 ml por grama, é acondicionado em pequenas cápsulas para uso medicinal.

Além disso, tem aplicabilidade em tintas luminosas, por exemplo, no relógio e mostradores. Embora os raios alfa não passem através do vidro ou metal da caixa do relógio, é agora considerada ser demasiado perigosa para ser utilizado nesse formato.

Dados

Massa atômica: 226,0254 u
Raio atômico (calculado): 215 pm
Raio covalente: 221±2 pm
Raio de Van der Waals: 283 pm
Configuração eletrônica: [Rn] 7s2
Elétrons (por nível de energia): 2, 8, 18, 32, 18, 8, 2
Estado(s) de oxidação: 2
Ponto de fusão: 973 K
Ponto de ebulição: 2010 K
Entalpia de fusão: 8,5 kJ/mol
Entalpia de vaporização: 113 kJ/mol

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.