Exercícios discursivos sobre Trovadorismo

Confira os exercícios discursivos sobre Trovadorismo que formulamos especialmente para você!

0

O Trovadorismo foi um movimento literário que vigorou na Europa durante a Idade Média. Os principais países europeus que o adotaram foram Portugal, Espanha e França.

É considerado como um dos gêneros mais conhecidos entre os europeus no período em questão.

Vamos conferir os nossos conhecimentos resolvendo alguns exercícios sobre Trovadorismo?

Exercícios sobre Trovadorismo

1 — Como são chamadas as produções do Trovadorismo?

(1 linha)

2 — O Trovadorismo é uma mistura de quais expressões artísticas?

(1 linha)

3 — Como o compositor, o músico e as dançarinas do Trovadorismo eram chamados?

(2 linhas)

4 — Por que o Trovadorismo foi um movimento itinerante?

(2 linhas)

5 — Cite três características do Trovadorismo.

(3 linhas)

6 — Qual foi o contexto em que o Trovadorismo se desenvolveu?

(4 linhas)

7 — Cite e caracterize as cantigas trovadorescas.

(10 linhas)

8 — Por que o feudalismo é utilizado metaforicamente pelo Trovadorismo?

(4 linhas)

Gabarito

1 — Cantigas.

2 — Música e linguagem poética.

3 — O compositor era o trovador; o músico era chamado de menestrel; e as dançarinas eram bailadeiras ou soldadeiras.

4 — Porque eles viajavam pelos feudos, burgos e pelas cortes propagando os acontecimentos políticos em suas composições e apresentando ideias.

5 — Composto por canto, acompanhado de instrumentos musicais e idealizava o amor.

6 — O Trovadorismo se desenvolveu em um contexto marcado por uma sociedade fortemente hierarquizada, sem possibilidade de mobilidade social, estruturada no feudalismo e influenciada pela Igreja Católica.

7 — Cantigas de amor eram marcadas por sentimentos profundos em que o sofrimento amoroso é o tema central.

Cantigas de amigo geralmente eram representadas por uma voz feminina em que a dama expõe seus sentimentos de maneira discreta. O amigo, por vezes, é o pretendente, o esposo ou amante.

Cantigas de maldizer utilizam uma linguagem grosseira para criticar alguma pessoa.

Cantigas de escárnio, de maneira irônica, adotam indiretas e palavras de duplo sentido.

8 — Porque algumas cantigas reproduziam as estruturas feudais reconhecendo a autoridade do senhor feudal. Além disso, algumas cantigas de amor utilizavam termos feudais, como servo e vassalo como forma de se declarar à amada.

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.