O que é carboidrato?

Simples ou complexos, os carboidratos são componentes estruturais de uma célula e responsáveis por gerar energia para o corpo.

O que é carboidrato? Principais fontes de energia de uma célula, os carboidratos são elementos fundamentais na composição da parede muscular e de ácidos nucleicos. 

Também chamado de glicídio, esse macronutriente é formado por moléculas de carbono, hidrogênio e oxigênio. 

Quando ingerido e absorvido, torna-se responsável pela liberação de glicose, fornecimento de energia para as células, além de fazer a manutenção metabólica glicêmica do corpo na garantia do seu bom funcionamento.

São encontrados principalmente em alimentos de origem vegetal, como no caso da batata e do feijão, dos quais acumulam carboidratos sob a forma de amido em sua composição.

Tipos de carboidratos

Levando em consideração a quantidade de átomos de carbono presente em um determinado tipo de carboidrato, faz-se a seguinte divisão:

Carboidratos Monossacarídeos: tipos de carboidratos que apresentam em sua estrutura cerca de 3 a 7 carbonos; frutose, glicose e galactose.

Carboidratos Dissacarídeos: Decorrência da ligação entre dois monossacarídeos; lactose, maltose e sacarose. Precisam ser “quebrados” para serem absorvidos como fonte de energia pelo corpo.

Carboidratos Polissacarídeos: suas moléculas são formadas a partir a junção de vários monossacarídeos. Podem apresentar em sua composição átomos de enxofre e nitrogênio; celulose e amido.

Você também pode se interessar: Classificação dos carboidratos – Você sabe como ela é feita?

Exemplos de carboidratos de cada grupo

Após identificar os tipos existente de carboidrato, veja alguns exemplos de alimentos onde essa substância pode ser encontrada:

Monossacarídeos: glicose (açúcar presente na batata, mel, arroz, farinha, doces e etc); frutose ( açúcar das frutas); galactose ( presente no leite e produtos lácteos);

Dissacarídeos: sacarose (açúcar decorrente da extração da cana de açúcar, sendo encontrada também em alimentos como o mel, beterraba e a uva); maltose (oriundo da produção industrial e obtido pela fermentação de cereais em germinação, como por exemplo a cevada); lactose ( proveniente do leite, a lactose é sintetizada nas glândulas mamárias em mamíferos);

Polissacarídeos: amido ( considerado como a reserva energética dos vegetais, pode ser encontrado nos cereais, como a aveia, milho, arroz, raízes, trigo e tubérculos como a mandioca, batata e inhame); celulose ( está presente nas hortaliças, legumes, grãos, frutas, nozes e castanhas, além de cascas de sementes);

Diferença entre carboidratos simples e complexos

Dentre a classe de carboidratos existem a categoria dos simples e dos complexos.

Para entender melhor, os carboidratos simples são os constituídos de uma estrutura química molecular mais reduzida, como os monossacarídeos e os dissacarídeos.

De digestão e absorção rápida, os alimentos desse grupo aumentam os níveis de glicose no sangue (índices glicêmicos) em um curto período de tempo. 

Dentre os carboidratos simples, temos o açúcar refinado e produtos derivados, mel, xarope de milho, frutas e etc.

Já os carboidratos complexos, como o nome já diz, têm estrutura química mais profunda, formada pelos polissacarídeos.

Como é uma molécula maior, leva mais tempo sua digestão e absorção pelo corpo, o que gera, diferentemente dos carboidratos simples, um aumento lento e gradativo dos índices glicêmicos no sangue.

Alguns representantes desse grupo são a batata doce e as massas e arroz integral.

batata-doce-carboidrato
Muito consumida por praticantes de atividades físicas, a batata doce pertence ao grupo dos carboidratos complexos com baixo índice glicêmico.

Benefícios do carboidrato na alimentação

Dentre os benefícios da inserção do carboidrato em uma dieta equilibrada, podemos citar:

  • Importante fonte de energia;
  • Auxilia no funcionamento cerebral;
  • Proteção e desenvolvimento dos músculos;
  • Sensação de saciedade; 
  • Ajuda na produção de serotonina, substância responsável por influenciar o bom humor e sensação de bem estar.

Veja também: Alimentos Surpreendentemente Saudáveis

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More