O que é fábula? Saiba mais sobre as estórias com personagens animais!

De Esopo a Monteiro Lobato, as fábulas narram estórias que marcam a memória e a infância das crianças. A cigarra e a formiga é uma das mais conhecidas.


Provavelmente você se recorda do tempo de criança, em que as fábulas constituíam parte dos ensinamentos de sua vida. Ou, no caso, se é mãe, pai, professor (a), tio (a), irmão (a), avô (a) ela ainda se faz presente.

Mas, às vezes, você não tem a mínima ideia do que estou falando e veio até aqui para procurar entender o que é fábula. Veja a seguir!

O que é fábula?

As fábulas são narrativas figuradas nas quais os personagens são animais com características humanas. Escritas em formato de prosa ou em verso, sempre devem trazer por traz da estória uma lição de moral.

Com uma existência duradoura na sociedade, o gênero é empregado como um instrumento de fins educacionais, principalmente no ensinamento para as crianças. Inclusive, muitos provérbios populares advêm de suas morais, como o de que a “pressa é inimiga da perfeição”, fruto da fábula A lebre e a tartaruga.

Contudo, por ser contada também de forma oral, a fábula possui muitas versões da mesma estória. Essas dependem da ênfase que procura ser dada e do intuito que o escritor tem com ela.

Outro ponto interessante dessas estórias são a opção em poder empregar muitos recursos, como a emoção, a ironia, a sátira etc.

Origem das fábulas

A origem das fábulas se deu no Oriente, sendo inicialmente pertencente aos assírios e babilônios. Todavia, foi Esopo, um escrevo da Grécia Antiga, que a desenvolveu,  durante o século VI a.C.

Historicamente, as narrativas foram divididas em três períodos:

  1. Primeiro período: Fábulas orientais, que tinham a moralidade como parte essencial.
  2. Segundo período: Atualizações do fabulista latino Pedro, consagrando a forma literária do gênero e inserindo sátiras nos versos.
  3. Terceiro período: Estórias dos fabulistas modernos, as quais inclui Jean de La Fontaine.

Autores de fábulas

Variados são os nomes dos produtores de fábulas, entre eles estão Esopo, Pedro, La Fontaine e Monteiro Lobato.

Monteiro Lobato é o nome brasileiro do mais influente escritor de fábulas infantis. O Sítio do Picapau Amarelo é o seu título de maior relevância na literatura infantil brasileira, inspirando até mesmo produções televisivas.

Exemplos de fábulas

Muitas são as fábulas que compõem o imaginário social e a mentalidade das crianças. Veja exemplos de algumas das mais conhecidas:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More