Sessão pipoca – 10 filmes premiados para ver no Amazon Prime Video

Veja a lista com o top 10 filmes mais premiados do Amazon Prime Video, de ação a comédia, para você curtir em casa no sofá da sala ou na tela do computador!

0

Seja no Brasil, Estados Unidos, Itália ou China, países de diferentes continentes, por todo o mundo, a população se encontra em distanciamento social. Isso por um motivo em comum, controlar a transmissão e contágio do novo coronavírus.

A pandemia fez com que as aulas nas escolas fossem suspensas, empresas, quando possível, optassem pelo home office, e o comércio fosse fechado. Então, a regra é clara: fique em casa!

Para dar uma mãozinha nisso, algumas instituições têm oferecidos cursos grátis para aprimorar o currículo, os artistas estão fazendo shows online, profissionais de educação física disponibilizam treinos por suas redes sociais, operadoras de TV liberaram canais, entre outras iniciativas.

Neste rol, separamos uma lista para você fazer uma sessão pipoca e assistir os filmes do Amazon Prime Video. Para diferentes estilos e gostos, há opções para agradar todos os públicos.

Confira a seguir o top 10 filmes premiados do Amazon Prime Video!

1 A Bruxa de Blair

A Bruxa de Blair (1999), de Eduardo Sánchez e Daniel Myrick, recebeu 19 prêmios, além de ter sido indicado para outros 26.

Em sua narrativa, ao passo em que o medo e o desespero aumentam nos personagens, as suas personalidades se intensificam. Na ocasião, as técnicas digitais podem apresentar muitas situações estranhas e a obra lembra o que realmente nos dá pavor: o que não podemos enxergar.

2 Capitão América 2: O Soldado Invernal

Capitão América 2: O Soldado Invernal (2014), de Joe Russo e Anthony Russo, concorreu a premiação do Oscar de Melhores Efeitos Visuais. Conquistou cinco prêmios e foi indicado a outros 50.

O filme pode ser considerado o que possui a narrativa mais aguçada para os espectadores, dentre as obras do Universo Cinematográfico Marvel, com as clássicas características da franquia, como piadas pontuais e ações presentes no seu enredo.

3 Ela

Ela (2014), de Spike Jonze, ganhou o Oscar de Melhor Roteiro Original, e também concorreu a Melhor Canção Original, Melhor Direção de Arte, Melhor Filme e Melhor Trilha Sonora. Conquistando um número superior a 81 premiações, recebeu também a indicação para outros 184 prêmios.

O filme possui a autenticidade da reflexão sobre as relações contemporâneas e a sensibilidade do diretor em arquitetar a equipe com simplicidade. A narrativa busca extrair as nossas positividades internas, por meio do trabalho com conceitos em torno dos sentimentos e do amor.

4 Expresso do Amanhã

Expresso do Amanhã (2013), de Bong Joon-ho, ganhou 33 prêmios e foi indicado para outros 104.

A obra, dirigida pelo sul-coreano vencedor do Oscar 2020, destaca a luta de classes e é uma metáfora do que acontece em um nível enfatizado na realidade.

5 Extraordinário

Extraordinário (2017), de Stephen Chbosky, foi indicado ao Oscar de Melhor Maquiagem e Penteado. O filme conquistou quatro premiações, além de ter concorrido a outras 26.

A obra audiovisual explora demasiadamente o sentimentalismo, possuindo um desfecho agradável aos espectadores. A relação com o público promove um clímax cheio de aplausos e em uma ambientação comum, a assembleia escolar.

6 O Bebê de Rosemary

O Bebê de Rosemary (1968), de Roman Polanski, foi condecorado com o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante, além de ter recebido a indicação para o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado. Ademais, conquistou mais 10 prêmios e concorreu a outros 12.

O crítico de cinema Roger Ebert, na ocasião do lançamento do filme, escreveu a seguinte crítica: “Polanski tomou uma situação muito difícil e a tornou crível até o fim. Nesse sentido, ele até supera Hitchcock. Tanto O Bebê de Rosemary quanto o clássico Suspeita (de Hitchcock, 1941) são sobre esposas profundamente apaixonadas que são gradualmente forçadas a suspeitar das coisas mais sinistras e improváveis de seus maridos”.

7 O Lobo de Wall Street

O Lobo de Wall Street (2013), de Martin Scorsese, recebeu indicação aos Oscars de Melhor Ator, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Direção, Melhor Roteiro e Melhor Filme. O longa-metragem conquistou 38 prêmios, além de ter concorrido a outros 172.

A comédia, que possui Leonardo DiCaprio em seu elenco, não é só verbal, mas também com atuação física. É um filme de longa duração, com três horas, mas que por meio de uma montagem acelerada alcança a perfeição do ritmo.

8 Precisamos Falar Sobre o Kevin

Precisamos Falar Sobre o Kevin (2011), de Lynne Ramsay, recebeu 26 prêmios e foi indicado para outros 65.

A obra audiovisual delineia um drama que conta história da vida de uma mulher, sendo que ela abdica de seus desejos pessoais para realizar o que considera eticamente correto. Para isso, é explorado o medo e o sentimento de urgência nas ações, acarretando tensão.

9 Suspíria: A Dança do Medo

Suspíria: A Dança do Medo (2018), de Luca Guadagnino, foi condecorado com 24 premiações, além de ter recebido a indicação para outros 67.

Classificado como um remake de uma obra clássica de 1977, o filme não é uma regravação ou releitura. A narrativa destaca a importância da dança contemporânea como um elemento mágico.

10 Toy Story 4

Toy Story 4 (2019), de Josh Cooley, recebeu o Oscar de Melhor Animação de Longa-Metragem, além de outros 49 prêmios. Ademais, recebeu a indicação para outras 53 premiações.

O filme trabalha com as emoções do espectador e o prepara para o desfecho. Assim como outras obras infantis, ele é entretenimento e fonte de ensinamento para muitas crianças e adultos.

Leia também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.