Júlio Prestes

Júlio Prestes foi o último presidente eleito do Brasil no período que corresponde a República Velha. Entretanto foi impedido de ocupar o cargo devido a Revolução de 1930.

Quem foi Júlio Prestes? Júlio Prestes foi o último presidente eleito do Brasil durante a República Velha, mas foi impedido de ocupar o cargo devido ao golpe promovido pela Revolução de 1930, liderada por Getúlio Vargas.

Júlio Prestes atuou na política nacional desde 1909, quando se elegeu deputado estadual por São Paulo.

Desde então, além de deputado estadual, ele desempenhou a função de deputado federal (líder da bancada paulista na Câmara), presidente (governador) do estado de São Paulo e presidente eleito nas eleições de 1930.

Carreira política

A carreira política de Júlio Prestes começou em 1909, quando foi deputado estadual por São Paulo pelo Partido Republicano Paulista (PRP). Ocupou o cargo até 1923.

De 1924 a 1927 foi eleito como deputado federal pelo mesmo estado. De 1927 a 1930 foi governador do estado de São Paulo. Em 1930 ele disputou à presidência do país, sendo eleito presidente do Brasil.

Durante a República Velha, o Brasil viveu um sistema político marcado pela alternância de poder conhecida como Política do Café com Leite.

Tal política fixava o poder nas mãos dos paulistas (café) e dos mineiros (leite). Representantes de ambos os estados se revezavam na presidência do país por meio das oligarquias de São Paulo e Minas Gerais, que chegavam ao poder apoiadas pelos coronéis.

Tal estrutura política de revezamento mantida durante a Primeira República garantia a manutenção do poder e dos privilégios nas mãos dos mesmos indivíduos.

Com isso, Washington Luís (paulista) ao indicar Júlio Prestes (também paulista) como o seu sucessor na presidência do país, desagradou à elite mineira que esperava que a tradição de alternância entre paulistas e mineiros no cargo fosse mantida.

A realidade política do Brasil mudou quando, comandada por Getúlio Vargas, ocorre a Revolução de 1930. Júlio Prestes, mesmo tendo ganho o pleito foi impedido de assumir o cargo.

Então, Getúlio Vargas ascende ao poder com a ajuda dos militares e Júlio Prestes se exila na Europa até 1934, quando retorna ao Brasil e desiste da política até que em 1945 funda a União Democrática Nacional (UDN) e se torna membro da comissão diretora do partido.

Revolução de 1930

Júlio Prestes concorreu às eleições presidenciais de 1930 contra o gaúcho Getúlio Vargas que, não aceitando o resultado que demonstrava a sua derrota, planeja um golpe de Estado conhecido como Revolução de 1930.

A Aliança Nacional Libertadora (ANL) integrada por Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraíba alegam fraude eleitoral na contagem dos votos o que teria beneficiado a vitória de Júlio Prestes.

Dessa maneira, articulada por Getúlio Vargas, a Revolução de 1930 pôs fim a Política do Café com Leite ao impedir a posse de Júlio Prestes na presidência do Brasil.

Assim, no dia 24 de outubro de 1930, Washington Luís, o então presidente, é deposto por meio de um golpe militar antes de entregar a faixa presidencial a Prestes.

Revolução de 1932

Como reação ao golpe de 1930, os paulistas descontentes com a destituição do presidente, buscaram derrubar o governo provisório de Getúlio Vargas e convocar uma Assembleia Nacional Constituinte para a formulação de uma nova Constituição, pois a Carta Magna de 1891 havia sido cassada por Vargas.

Dessa maneira, organizam um movimento armado conhecido como Revolução Constitucionalista de 1932 ou Revolução de 1932.

O golpe promovido por Vargas desencadeou, para a além da queda de Washington Luís e da anulação da Constituição de 1891, na deposição dos governadores, fechamento do Congresso Nacional, das Assembleias Legislativas Estaduais e das Câmaras Municipais.

Com isso, insatisfeitos pelas medidas adotadas por Getúlio Vargas que assumiu a presidência do país com amplos poderes, os paulistas reagem através da Revolução de 1932.

Os paulistas perdem o conflito, mas têm suas reivindicações atendidas dois anos depois, por meio da Constituição de 1934.

Saiba mais em:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More