Plano de aula de História – Inconfidência Mineira – 8º ano do Ensino Fundamental

Confira o plano de aula de História sobre a Inconfidência Mineira que elaboramos para a sua turma!


A Inconfidência Mineira foi uma conspiração separatista idealizada pela elite mineira e por parte do clero.

Uma parte considerável da população estava descontente com as reformas administrativas promovidas pela Coroa portuguesa que visava, sobretudo, o enriquecimento da metrópole.

O aumento da cobrança dos impostos, aliado ao aumento do controle sobre a colônia, irritou a população mineira que decidiu se rebelar contra o então sistema.

Sendo assim, elaboramos um plano de aula sobre a Inconfidência Mineira para turmas do 8° ano do ensino fundamental com o objetivo de elucidar essa temática que é tão debatida em sala de aula.

Plano de aula de História – Inconfidência Mineira

TEMA: Inconfidência Mineira

DURAÇÃO: 1 aula de 50 minutos

OBJETIVOS:

  • Compreender o contexto histórico da Inconfidência Mineira;
  • Entender as causas e objetivos da Inconfidência Mineira;
  • Reconhecer a importância do movimento.

RECURSOS DIDÁTICOS:

  • Imagens;
  • Para reproduzir as imagens: TV, computador, projetor de vídeo;
  • Folha branca;
  • Lápis de escrever;
  • Lápis de colorir.

DESENVOLVIMENTO:

Inicie a aula mostrando à turma qual será o tema mediado. Diga o ano em que ocorreu o movimento e pergunte à turma se o Brasil era uma colônia, império ou república.

Em seguida, explique o contexto histórico em que ocorreu a Inconfidência Mineira e quais foram suas principais causas.

Questione: Nessa época, qual era o papel da colônia em relação à metrópole? R: Enriquecer a metrópole.

Em seguida, explane os seguintes tópicos:

  • Dominação do governo português;
  • Ciclo do ouro;
  • Exploração das minas de ouro;
  • Impostos (quinto e derrama);
  • Esgotamento das minas de ouro.

Fale sobre a importância da Revolução Francesa para a inspiração dos conspiradores e a forma como tais ideais chegaram ao Brasil.

Feito isso, cite os objetivos dos inconfidentes:

  • Romper com Portugal;
  • Acabar com a exploração do governo português;
  • Independência em relação à metrópole;
  • Fundar uma universidade;
  • Abolir as dívidas.

Depois de escrever os objetivos no quadro, pergunte à turma se ela notou a ausência de algum tópico. Depois que todos se manifestarem e caso ninguém tenha citado a abolição da escravidão, indague:

  • O Brasil era habitado, em sua maioria, por quais povos?
  • Durante o Brasil colônia, qual era a principal força de trabalho no país?
  • Por que a abolição da escravidão não era uma pauta defendida pelos inconfidentes?

Após a participação da turma, explique que tal objetivo não estava presente nas demandas dos inconfidentes porque a Inconfidência Mineira foi um movimento encabeçado pela elite.

Feito isso, explique os motivos que fizeram a elite perceber e se rebelar contra a exploração de Portugal: o acesso aos ideais pregados pela Revolução Francesa.

Explique que as pessoas escravizadas não tinham acesso à educação, uma ferramenta que era voltada às classes mais altas, por isso, elas conseguiram ter acesso aos ideais revolucionários da França.

Feito isso, reproduza a seguinte imagem:

Inconfidência Mineira
Inconfidência Mineira

Leia o texto referente ao ano de 1936 e pergunte à turma: Com base neste trecho, vocês acham que os inconfidentes saíram vitoriosos ou perdedores?

À medida que for lendo, explique o significado dos termos que podem ser desconhecidos aos estudantes, como “degredados”, “repatriamento” e “exumação”.

Em seguida, leia os textos referentes aos outros anos. Feito isso, questione: Se os inconfidentes saíram perdedores, por que os corpos deles foram exumados, homenageados e colocados em um panteão? (Explique o significado do termo “panteão”.)

Explique que mesmo sendo um movimento conspiratório elitista e que não teve um desfecho favorável aos conspiradores, a Inconfidência Mineira teve importância para a história do nosso país, pois foi um dos primeiros movimentos sociais ocorridos aqui.

Feito isso, mostre uma imagem de Tiradentes:

Inconfidência Mineira
Tiradentes

Fale sobre sua relação com a Inconfidência Mineira e os motivos que o fizerem se tornar um herói. Diga que o fato de ele ter sido o único condenado à forca, transformou-o em um mártir.

Contudo, saliente que a escolha de o tornar um herói foi feita séculos depois da Inconfidência, quando o país estava no início da república e via a necessidade de exaltar a imagem das pessoas que defendiam o republicanismo. Com isso, Tiradentes foi o escolhido.

ATIVIDADE:

Como atividade, proponha aos estudantes que eles se imaginem jornalistas e que tenham que noticiar a ocorrência da Inconfidência Mineira. Diga que a matéria deverá conter os seguintes elementos:

  • Manchete;
  • Texto explicando o movimento (máximo de 10 linhas);
  • Desenho (para representar a insatisfação da elite).

Estimule a criatividade!

Clique aqui e baixe o plano de aula sobre a Inconfidência Mineira em PDF!

Veja mais em:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.