Arte gótica

A arte gótica foi uma expressão artística que vigorou durante a Idade Média.

0

A arte gótica foi uma expressão artística criada durante a Baixa Idade Média que se propagou, inicialmente, como um estilo arquitetônico no continente europeu.

Por ser uma arte especialmente religiosa, ela é vista como o êxito da Igreja Católica. Vigorou até o Renascimento (séc. XIV ao XVI).

Arte gótica – Resumo

A arte gótica é considerada o oposto da arte românica, presente nas construções medievais, principalmente nas basílicas e mosteiros.

Quando foi criada, essa expressão artística não recebeu o nome gótica. O termo foi criado posteriormente por Giorgio Vasari (1511–1574), um dos principais nomes do Renascimento.

Ao cunhar esse nome, Vasari quis demonstrar que a mesma possuía características bárbaras e monstruosas, tal qual os godos, povos bárbaros que invadiram o Império Romano durante a sua decadência. Assim, ele adotou tal expressão pejorativa para manifestar seu desprezo à arte gótica.

Somente no século XVIII esse olhar preconceituoso foi superado por uma nova perspectiva em relação ao estilo gótico. É importante salientar que ele não se resumiu à arquitetura, influenciando igualmente a pintura e escultura.

Características da arte gótica

Vejamos as principais características da arte gótica:

  • Vitrais com temas religiosos
  • Edificações verticais
  • Simbolismo religioso
  • Naturalismo
  • Movimento às obras

Arquitetura gótica

Diferentemente do estilo românico, no estilo gótico as construções possuem características mais leves, que visam uma maior luminosidade no interior das estruturas, compostas por janelas e vitrais delicadamente trabalhados.

O que mais se destacava na arquitetura gótica eram as catedrais construídas em altas estruturas, com formatos verticalizados, dando a impressão de estarem direcionadas para o céu.

As colunas e paredes que sustentam as igrejas góticas são leves e finas, e, ao contrário das construções românicas, que possuíam somente um portal para entrar nas catedrais, as góticas possuem três portais.

Além disso, a arte gótica visava mostrar a pequenez do homem diante da grandiosidade das construções.

Arte Gótica
Catedral de Milão, Itália

Pintura gótica

A pintura gótica buscou expressar o naturalismo e o simbolismo religioso. Os vitrais visavam ensinar sobre a religião aos expectadores, além de emocioná-los a partir de imagens que simbolizavam os sacrifícios de Cristo.

A pintura também esteve presente nos manuscritos, local em que se aproximou das formas escultóricas. É comum, nessas iluminuras, a luz ser substituída por fundos dourados e os personagens terem pouco volume.

Alguns dos principais nomes da pintura gótica, foram o holandês Jan Van Eyck (1390–1441) e o italiano Giotto di Bondone (1267–1337).

Arte Gótica
Obra de Giotto di Bondone

Escultura gótica

A escultura gótica busca a verticalidade além de esboçar um naturalismo capaz de proporcionar movimento e vida às obras.

Geralmente elas complementam a arquitetura por estarem inseridas nos portais, dando a impressão de estarem olhando umas para as outras.

Arte Gótica

Saiba mais em:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.