Glândulas sudoríparas

Continue lendo para conhecer as glândulas que mantêm a temperatura do nosso corpo constante!

As glândulas sudoríparas são glândulas exócrinas, responsáveis pela eliminação do suor e manutenção da termorregulação do corpo do organismo. Elas estão em toda a extensão da pele, entretanto, alguns locais têm maior concentração.

As glândulas sudoríparas são formadas por tecido epitelial glandular e possuem duas partes: uma porção secretora e uma porção condutora.

  • Porção secretora: estrutura enovelada localizada nas camadas mais profundas da pele, é a responsável pela produção de suor, mas também pode expelir outras substâncias.
  • Porção condutora: estrutura formada por células superficiais em forma de canal que transporta o suor para fora do corpo.
Glândula exócrina - Sudoríparas
Glândula exócrina – Sudoríparas

Classificação das glândulas sudoríparas

As glândulas sudoríparas podem ser de dois tipos: écrinas ou apócrinas.

Glândulas écrinas

As glândulas écrinas também podem ser chamadas de merócrinas. Elas se concentram nas palmas das mãos e nas plantas dos pés.

No entanto, elas podem ser encontradas em menor quantidade por todo o corpo e estão ativas desde o nascimento.

Glândulas écrinas liberam secreções diretamente na superfície da pele e o suor liberado por elas é extremamente diluído.

Geralmente, ele contém pouca quantidade de substâncias como proteínas, sódio, potássio, ureia, amônia e ácido úrico.

Glândulas apócrinas

As glândulas apócrinas são maiores que as écrinas, mas ocorrem com menor frequência. Elas são as responsáveis pela liberação de suor nas axilas, aréolas mamárias, região genital e região anal.

Essas glândulas liberam secreções nos canais dos folículos pilosos e parte do citoplasma delas é liberado nessas secreções, por isso ela costuma ser mais viscosa.

A secreção do suor não possui odor, no entanto, aquele cheiro típico de suor é produzido pela ação de bactérias que habitam o local em que ele é liberado.

As glândulas apócrinas se tornam ativas durante a puberdade e permanecem assim por toda vida.

Suor

O suor é a secreção liberada pelas glândulas sudoríparas com função de manter a temperatura corporal constante, liberando o excesso de calor.

O principal componente do suor é a água, mas outras substâncias como a ureia, a amônia, o sódio, potássio e ácido úrico também fazem parte da composição.

Também podem ser expelidas pelas glândulas sudoríparas substâncias tóxicas, como toxinas de medicamentos e produtos do metabolismo, misturadas ao suor.

Veja também:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More