Povos da Mesopotâmia

Confira quais foram as principais civilizações que ocuparam a região da Mesopotâmia!

Mesopotâmia foi uma antiga civilização que se encontrava entre os rios Tigre e Eufrates, essenciais para a criação de animais e para o avanço da agricultura, aspectos fundamentais para a sedentarização do homem.

Vista como o berço de muitas civilizações da Antiguidade, ela comportou diversos povos. Podemos destacar os sumérios, acádios, amoritas, assírios e caldeus.

Vejamos algumas características e quais foram os principais povos da Mesopotâmia.

Sumérios

Os sumérios foram os primeiros povos que se tem registros a se fixar na Mesopotâmia.

Ur, Uruk, Eridu e Lagash foram as primeiras cidades desta civilização. Visando protegê-las, construíam muralhas em torno delas, além de torres defensivas.

Estas cidades eram administradas por um chefe militar que também ocupava o cargo de sacerdote. Eles eram responsáveis pela cobrança de impostos e pela administração das obras públicas.

Destacavam-se no comércio e suas leis eram impostas de acordo com os costumes. Os sumérios foram os criadores da escrita cuneiforme.

Acádios

A civilização suméria enfrentou alguns conflitos pelo domínio político, o que possibilitou o enfraquecimento das cidades e a invasão da região pelos acádios.

Os acádios construíram um grande e forte império, se tornando o primeiro governo centralizado da região, o Império Acádio.

Desse modo, os povos dominados deveriam obedecer a um único monarca. Contudo, revoltas internas fizeram com que este império durasse pouco tempo, dissolvendo-se após ser invadido por guerreiros nômades.

Amoritas

O império formado pelos amoritas envolveu quase toda a região da Mesopotâmia. Grande e poderoso, ele foi chamado de Primeiro Império Babilônico.

Hamurabi (1792–1750 a.C.) foi o principal imperador deste império. Governou pessoalmente todo o território, administrando as obras públicas e criando uma legislação.

Seu principal feito foi o Código de Hamurabi, um código de leis que segue influenciando o mundo. O império foi desintegrado após invasões de povos estrangeiros.

Assírios

Os assírios foram povos que se desenvolveram no norte da Mesopotâmia.

Mesmo sendo composta por solos pobres, a região da Assíria era bastante cobiçada, pois ela viabilizava o acesso ao Vale Mesopotâmico.

Por isso, visando proteger seus domínios, eles desenvolveram armas, táticas de guerra e um forte exército.

Construíram um grande império que chegou a abranger regiões da Síria, Palestina, Egito, Fenícia, além da Mesopotâmia.

Vistos como povos cruéis, eles adotavam práticas violentas contra seus inimigos.

Caldeus

Os caldeus também foram chamados de novos babilônicos. Conquistaram uma enorme extensão, formando o Novo Império Babilônico.

Durante o governo de Nabucodonosor, ocorreram expedições militares que, além de destruíram Jerusalém (586 a.C.), prenderam os judeus e os forçaram a caminhar como escravos até a Babilônia.

A reconstrução da Babilônia foi possibilitada pelas riquezas adquiridas dos povos dominados. Nabucodonosor foi o soberano responsável pela retomada do centro político, cultural e econômico da Mesopotâmia.

Este império foi enfraquecido devido aos sucessivos conflitos internos. Assim, em 539 a.C., os persas conquistaram o Novo Império Babilônico.

Saiba mais em: 

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More