Quem foi Platão?

Conheça um dos mais importantes filósofos gregos, fundador da filosofia política ocidental, discípulo de Sócrates e professor de Aristóteles.

0

Ao lado de Sócrates e Aristóteles, Platão foi um dos mais importantes filósofos gregos, introdutor do método de diálogo na filosofia e fundador da filosofia política ocidental, com sua obra A Republica. Aluno de Sócrates e professor de Aristóteles, destacou-se por sua teoria idealista e por ter escrito a maioria dos textos conhecidos hoje sobre Sócrates.

Ao contrário da maioria dos escritores gregos, sua obra sobreviveu praticamente intacta por mais de 2400 anos. Influenciado por Parmênides acerca do imobilismo, Platão elaborou uma teoria metafísica dualista, dividindo o mundo em Mundo das Ideias e Mundo Sensível.

Quem foi Platão?

Batizado como ArístoclesPlatão nasceu em Atenas, por volta de 428 a.C. De família nobre, estudou leitura, escrita, música, pintura, poesia e ginástica desde muito cedo. Excelente atleta, participou dos Jogos Olímpicos como lutador, mas tinha como sonho seguir carreira política.

Aos 24 anos, lutou na Guerra do Peloponeso. Com a derrota dos atenienses, instalou-se na cidade a Tirania dos 30, período em que o regime democrático ateniense deu lugar à tirania oligárquica dos modelos espartanos.

Nesse período, conheceu o filósofo Sócrates e tornou-se seu discípulo, discutindo temas como problemas do conhecimento do mundo e das virtudes humanas.

Com a morte de Sócrates, desiludiu-se da política e começou a se dedicar integralmente à Filosofia, fundando sua própria escola filosófica: a Academia de Platão. Na intenção de eternizar os ensinamentos de seu mestre, que não havia redigido nenhum livro, escreveu vários diálogos onde a figura principal é Sócrates.

Viajou para Megara, onde estudou Geometria, para o Egito, onde se dedicou à Astronomia, para Cyrene (Norte da África), onde se dedicou à Matemática, e para Crotona (Sul da Itália), onde se reuniu com os discípulos de Pitágoras.

Ao regressar à Atenas, Platão voltou a ensinar e escrever na Academia e permaneceu um autor ativo até a sua morte, em 348/347 a.C., aos oitenta anos.

Foi sepultado no jardim de sua Academia, que passou a ser dirigida por Espeusipo, forte simpatizante do aspecto matemático da filosofia de Platão.

Frases de Platão

As cidades somente alcançarão a felicidade se os filósofos se tornarem reis ou se os reis se tornarem filósofos.

Tente mover o mundo, mas comece movendo a si mesmo.

Não eduques as crianças nas várias disciplinas recorrendo à força, mas como se fosse um jogo, para que também possas observar melhor qual a disposição natural de cada uma.

Muitos odeiam a tirania apenas para que possam estabelecer a sua.

Boas pessoas não precisam de leis para obrigá-las a agir responsavelmente, enquanto as pessoas ruins encontrarão um modo de contornar as leis.

Leia também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.