Tipos de conhecimento – Da comprovação científica à crença religiosa

Empírico, científico, filosófico, tácito e teológico são os cinco tipos do conhecimento que podem ser baseados na comprovação da ciência ou não.

0

O conhecimento nada mais é do que as bagagens que o indivíduo carrega ao longo da sua vida, constituindo o seu repertório.

Ele não é, necessariamente, aquele conhecimento aprendido na sala de aula, pois se incorpora a ele, também, as lições tiradas da prática diária, assim como os valores e crenças do indivíduo.

Inclusive, em geral, nossos avós e bisavós não tiveram as mesmas oportunidades que nós de acesso ao ensino, nem por isso são desprovidos de conhecimento, possuindo a sabedoria de vida.

Nesse sentido, faz jus elencar os diferentes tipos de conhecimento para a melhor compreensão sobre o tema. Em síntese, listamos os cinco principais. Confira:

1. Conhecimento empírico

O conhecimento empírico, também conhecido como conhecimento popular ou senso comum, é o tipo de conhecimento obtido por meio da observação e interação com o ambiente que nos cerca.

Por ser sustentado em experiências, o conhecimento empírico não exige a legitimação por validações científicas, mas, por conta desse fator, não é exato e pode ser suscetível a falhas.

2. Conhecimento científico

Na direção oposta do conhecimento empírico, o conhecimento científico possui como base um pensamento crítico e analítico. Para a sua concepção, é necessária a experimentação, a análise e a comprovação por meio de testes científicos.

Diante disso, o conhecimento científico está mais próximo da exatidão, por possuir resultados científicos, mas ainda assim também é digno de falhas.

No entanto, a sua veracidade ou falsidade podem ser verificadas com base em dados da ciência.

3. Conhecimento teológico

O conhecimento teológico é um conhecimento basicamente religioso e está atrelado à fé de cada ser humano, que o rotula como verdade concreta.

Assim como o conhecimento empírico, o conhecimento teológico não necessita de uma verificação científica para que seja tido como verdade para aqueles que creem nele.

4. Conhecimento filosófico

O conhecimento filosófico é um conhecimento que permeia o conhecimento científico e o conhecimento empírico. A justificativa está no fato de ser concebido por meio da conexão entre o indivíduo e a vida cotidiana, contudo, promovendo análises dele diante dos pontos imateriais e subjetivos.

O seu raciocínio ocorre pela constante busca do saber, em uma natureza nacional. Na perspectiva da filosofia, a epistemologia é a ciência responsável por lhe estudar e dedicar-se à teoria do conhecimento.

É fruto do conhecimento filosófico que são concebidas os conceitos, ideias, ideologias e tudo que versa sobre o mundo e a vida humana.

5. Conhecimento tácito

O conhecimento tácito é muito similar ao conhecimento empírico, tendo em vista que a sua construção está relacionada às vivências e repertórios de cada ser.

Ou seja, trata-se de um conhecimento único e particular, não sendo possível transferi-lo para terceiros por meio da metodologia didática convencional ou por regras e receitas prontas.

Veja também: 

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.