Bioquímica

Vamos conhecer juntos essa ciência interdisciplinar? Continue lendo!

0

A bioquímica já era utilizada em estudos envolvendo reações químicas nos seres vivos desde o início do século XIX.

Em 1828, a ureia foi sintetizada por acidente em um laboratório pelo alemão Friedrich Wohler, antes disso pensava-se que a ureia só poderia existir na urina de mamíferos.

Em 1872, a França inaugurou o primeiro local de estudo da química da vida, chamado de Instituto de Química Fisiológica da Universidade de Estrasburgo.

No entanto, a palavra “bioquímica” só foi utilizada pela primeira vez em 1903 pelo cientista alemão Carl Neuberg.

A necessidade de equipamentos tecnológicos como os microscópios para estudar a bioquímica pode ter retardado a disseminação dessa ciência.

Por isso, o avanço dos estudos de bioquímica só ocorreu no final do século XX. Atualmente a bioquímica é utilizada em processos laboratoriais e industriais da fabricação de fármacos, cosméticos e outras substâncias.

Essa ciência é estudada tanto nos cursos de Ciências Biológicas quanto de Química.

O que é bioquímica?

A bioquímica é uma ciência interdisciplinar entre a biologia e a química que estuda reações químicas e biológicas que ocorrem no corpo dos seres vivos.

Essas transformações ocorrem em substâncias e moléculas como proteínas, carboidratos, lipídios e ácidos nucleicos. O conjunto dessas transformações é chamado de metabolismo.

A bioquímica pode acelerar reações metabólicas através de enzimas, desvendar a síntese de produtos, descrever moléculas e conhecer o pH das substâncias.

Biomoléculas

As biomoléculas são os compostos químicos que estão presentes nas células dos seres vivos, sejam eles animais ou plantas. Essas moléculas possuem em sua composição carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio.

Essas biomoléculas possuem átomos de carbono formando cadeias lineares, ramificadas ou cíclicas. A forma tridimensional determinada por esse esqueleto de carbono, determina as funções de cada biomolécula dentro do organismo.

Elas são caracterizadas pelos outros elementos químicos que estão ligados a elas, chamados de grupos funcionais. São eles:

  • Grupos metil, etil e fenil: são hidrocarbonetos, ou seja, possui ligações envolvendo o hidrogênio;
  • Grupos carboxila, carbonilas (os aldeídos e as cetonas), éter e éster: ligações com oxigênio;
  • Grupos amina e amida: ligações com nitrogênio;
  • Grupos dissulfeto e sulfidrila: ligações com enxofre;
  • Grupos fosforila e fosfoanidro: ligações com fósforo.

As principais biomoléculas são: proteínas, lipídios, carboidratos e os ácidos nucleicos.

Metabolismo

O metabolismo é o conjunto de todas as reações químicas, físicas e biológicas que ocorrem no corpo de um ser vivo.

Podem existir dois tipos de metabolismo: o catabolismo e o anabolismo. No catabolismo ocorre a quebra de substâncias para produzir energia.

No anabolismo, o ser vivo consegue modificar uma substância em outra que seja necessária no seu corpo.

Leia mais: Anabolismo e catabolismo

Principais vias metabólicas do organismo humano

A respiração celular é uma das principais vias metabólicas dos seres humanos. Através dela, organismos aeróbicos utilizam as mitocôndrias para quebrar glicose e obter energia.

A produção hormonal também é uma via metabólica importante, pois regula diversas funções do nosso corpo, inclusive a reprodução.

Bioquímica – Mapa mental

Mapa Mental - Bioquímica da Vida
Mapa Mental – Bioquímica da Vida

Clique aqui para baixar esse mapa mental em PDF!

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.