Leucoplastos

Os leucoplastos são organelas que não possuem pigmentos e fazem reservas de substâncias.

Os leucoplastos são organelas citoplasmáticas do grupo dos plastídios. Elas são exclusivas de células vegetais e algumas algas.

Função dos leucoplastos

A principal função dos leucoplastos é fazer reserva de substâncias para as células das plantas remobilizarem em energia quando necessário.

Onde são encontrados os leucoplastos?

Eles são encontrados em regiões menos expostas à luz solar, como raízes, bulbos, sementes, regiões embrionárias e meristemáticas.

Características dos leucoplastos

Uma de suas principais características é que os leucoplastos não apresentam pigmentos coloridos, por isso, são incolores.

Leucoplastos
Leucoplastos

Eles possuem plasticidade morfofuncional, ou seja, são capazes de se transformar em diferentes plastídios que estejam sendo requisitados pela planta.

Em algumas plantas, eles não possuem uma função específica de armazenar substâncias bioquímicas, mas realizam a biossíntese de ácidos graxos, aminoácidos e outros compostos que serão usados no metabolismo celular.

Geralmente os leucoplastos são pequenos e de formato mutável, estão localizados no citoplasma e podem ocupar posições periféricas nas células ou se agrupar ao redor do núcleo.

Tipos de leucoplastos

As substâncias que podem ser armazenadas no interior dos leucoplastos dá nome aos tipos de leucoplastos existentes:

  1. Amiloplastos: fazem reserva de amido;
  2. Elaioplastos: fazem reserva de lipídios;
  3. Proteinoplastos: armazenam proteínas em seu interior;
  4. Tanosoma: sintetiza fenóis e polifenóis.

Os amiloplastos são os maiores dentre os leucoplastos, além de importantes reservas energéticas, eles também são importantes para a orientação gravitacional da raiz.

Veja também:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More