Tempo de decomposição do lixo

Você sabia que alguns lixos podem demorar milhares de anos para se decompor? Vamos conhecer melhor esse assunto, continue lendo!

O tempo de decomposição do lixo depende inteiramente do material que está sendo descartado. A decomposição ocorre quando o lixo se transforma em outras substâncias que podem ser reabsorvidas pelo solo através de processos químicos.

A composição e o tamanho do lixo descartado, além de fatores climáticos do local onde ele se encontra, determinam a variação no tempo de decomposição.

Materiais como o vidro demoram centenas de anos para se decompor completamente, já o papel, necessita de apenas alguns meses para desaparecer do ambiente.

É importante lembrar que, independente do tempo de decomposição, todos os lixos devem ser descartados em locais corretos, pois podem causar danos ao meio ambiente e, consequentemente, aos seres vivos.

Confira a seguir uma tabela de tempo de decomposição do lixo:

Tabela de tempo de decomposição do lixo
Tabela de tempo de decomposição do lixo

Resíduo biodegradável

Os lixos que demoram pouco tempo para serem decompostos são chamados de resíduos biodegradáveis.

Restos orgânicos, papel e alguns tecidos são considerados biodegradáveis e durante a decomposição liberam no ambiente moléculas de gás carbônico (CO2), água (H2O), metano (CH4) e amônia (NH3).

Os materiais que não são biodegradáveis podem demorar milhares de anos para se decompor, por isso, devem ser encaminhados para a reciclagem afim de evitar o acúmulo de lixo no meio ambiente.

O descarte inapropriado de resíduos não biodegradáveis pode causar problemas de ordem social, ambiental e de saúde pública.

Além disso, o solo e os rios podem ser contaminados, animais podem tentar se alimentar desses resíduos, como os materiais plásticos, e morrer sufocados, causando graves desequilíbrios nos ecossistemas.

Regra dos 3 Rs

A regra dos três erres diz respeito a três palavras:

  1. Reduzir
  2. Reutilizar
  3. Reciclar

Seguindo essa ideia de consumo consciente, é possível executar ações que diminuam a quantidade de lixo produzido e, consequentemente, conservem o meio ambiente.

Lixo e sustentabilidade - Regra dos 3 R's
Lixo e sustentabilidade – Regra dos 3 R’s

Para reduzir o lixo produzido, ações simples como levar uma sacola retornável para o mercado e evitar o uso de materiais descartáveis são boas opções.

A reutilização pode ser aplicada com pequenos gestos como repassar uma roupa que não usa mais para alguém que precisa ou dar um novo uso para um objeto que está parado em casa, como um copo virar um porta-lápis.

A reciclagem deve ser feita com todo material que pode ser transformado em algo novo, gerando economia de energia, água e matéria-prima. A maioria dos papéis, plásticos, vidros e metais podem ser reciclados.

Veja também:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More