Geocentrismo

O geocentrismo é a teoria que afirma que a Terra ocupa o centro do universo.

O geocentrismo é a teoria cosmológica que acredita que o planeta Terra ocupa o centro do universo, com todos os outros planetas e o Sol girando ao seu redor.

Durante a Antiguidade, filósofos como Aristóteles, Hiparco e Eudoxo buscaram explicações sobre os movimentos dos astros e criaram modelos que os calculassem.

No entanto, tais modelos eram muito complexos e geralmente não explicavam da devida maneira suas observações.

Foi, então, o astrônomo grego, Cláudio Ptolomeu (século II d.C.) que criou um modelo mais eficiente e simples que explicou o geocentrismo e o movimento dos demais corpos celestes.

Geocentrismo e heliocentrismo

Os séculos XVI e XVII presenciaram diversas descobertas, reflexões filosóficas e experiências científicas que transformaram radicalmente a forma como a sociedade compreendia a natureza e o conhecimento.

Esse processo ficou conhecido como Renascimento científico, um movimento conhecido por destruir a visão medieval que se tinha até então do universo e estrear uma nova fase na história humana. A partir de então, a razão e a ciência substituíram a fé e a religião.

Para o homem medieval, o cosmos era um todo finito, isto é, o universo tinha fim. Além disso, acreditavam que ele era comandado por um Deus criador.

Essa ideia defendia que a Terra era o centro do universo e que todos os corpos celestes, inclusive o Sol, giravam ao seu redor. Tal concepção recebeu o nome de geocentrismo.

A teoria geocêntrica, elaborada por Ptolomeu, foi defendida em sua obra intitulada Almagesto. Para o cientista, a Lua, o Sol e os demais planetas giravam em torno do planeta Terra.

Tal ideia foi defendida pela Igreja Católica, pois parte de suas justificativas se apoiavam em passagens bíblicas.

Essa visão vigorou por quase dois mil anos, até que, em 1543, o astrônomo e matemático polonês, Nicolau Copérnico, publicou sua obra Sobre a revolução dos orbes celestes.

Nela, Copérnico afirmou que o Sol era o centro do universo, baseado em observações astronômicas e cálculos matemáticos. Sua teoria foi chamada de heliocentrismo.

Geocentrismo e a Igreja Católica

O geocentrismo foi aceito pela Igreja Católica, pois tal modelo colocava o homem no centro da criação divina. Por ser a imagem e semelhança de Deus e situar-se na Terra, o homem ocupava o centro do universo.

Já a teoria de Nicolau Copérnico foi condenada pela Inquisição. Giordano Bruno, pesquisador e apoiador do heliocentrismo foi queimado na fogueira em 1600.

Saiba mais em:

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More