Batalha de Stalingrado

A Batalha de Stalingrado é considerada a batalha mais violenta que ocorreu durante a Segunda Guerra Mundial.


O que foi a Batalha de Stalingrado? A Batalha de Stalingrado foi a mais sangrenta ocorrida durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Sua duração foi de julho de 1942 a fevereiro de 1943, na cidade de Stalingrado, Rússia.

Marcada pelo enfrentamento direto entre a Alemanha e a União Soviética, a Batalha de Stalingrado se caracterizou pelo alto grau de destruição e pela quantidade de vítimas fatais, aproximadamente, 1,5 milhões.

Ao contar com a vitória dos soviéticos, este conflito foi decisivo para o término da Segunda Guerra Mundial.

Resumo – Batalha de Stalingrado

Em agosto de 1939 – poucos dias antes da eclosão da Segunda Guerra Mundial – a Alemanha e a União Soviética assinaram o Pacto Germano-Soviético em que ficou acordado que nenhum dos dois Estados agrediriam o outro.

Este pacto beneficiou a invasão alemã na Polônia e a invasão do exército alemão em outros países, sem a intervenção soviética.

Entretanto, tal acordo de não agressão foi rompido em 1941, com a Operação Barbarossa, um ataque das tropas alemãs contra a União Soviética.

Os ataques tinham o objetivo de conquistar todo o território soviético, assim como ocorreu na Polônia. Contudo, o exército de Adolf Hitler não conseguiu alcançar seu intento e a operação não teve sucesso.

Nos dois anos que se seguiram, 1942 e 1943, ocorreram batalhas ao leste do continente europeu entre soviéticos e alemães com o mesmo objetivo por parte dos nazistas, dominar a URSS. Com isso, a Batalha de Stalingrado foi a mais importante entre todas elas.

A batalha

Stalingrado (atual Volgogrado) era uma cidade russa localizada na região do Cáucaso, próxima ao rio Volga, no centro das rotas ferroviária e fluvial de matérias-primas (minério de ferro e petróleo), por isso, era um local estratégico para os alemães.

Ter o domínio de Stalingrado significava ter o controle de boa parte da indústria de base da União Soviética. Com isso, uma parte expressiva do exército nazista foi conduzido a Stalingrado.

O dia 17 de julho de 1942 foi marcado pelo início das manobras nazistas. No entanto, os ataques de fato ocorreram a partir do dia 21 de agosto do mesmo ano.

Quando as tropas alemãs chegaram a Stalingrado, os soldados receberam o suporte aéreo de 1.200 aviões.

O ataque que ocorreu em 23 de agosto, é considerado o mais violento da Segunda Guerra Mundial. Cerca de mil toneladas de bombas foram lançadas em direção a Stalingrado.

Estima-se que os dois primeiros dias de ataque provocaram a morte de aproximadamente 40 mil civis que não tinham o conhecimento do plano nazista.

O principal objetivo dos soviéticos era impedir que a cidade de Stalingrado caísse nas mãos dos alemães. Josef Stalin exigia o máximo esforço de seu exército que combatia desequipado e faminto.

Uma das ações mais violentas de Stalin direcionadas ao Exército Vermelho foi a Ordem n° 227 que determinava o fuzilamento do soldado que “demonstrasse medo ou hesitação”.

A vitória soviética

A Batalha de Stalingrado ocorreu nos meses seguintes, com constantes ataques nazistas. O rumo do conflito mudou com a chegada do inverno, em novembro de 1942.

O final deste ano foi marcado pelo declínio das tropas nazistas que já não contavam mais com a mesma energia do início. Assim, a estratégia adotada pelo exército de Hitler foi recuar, marcando a vitória das tropas soviéticas que foram beneficiadas pelo rigoroso inverno.

A Batalha de Stalingrado teve seu fim oficial no dia 2 de fevereiro de 1943.

Mapa da Batalha de Stalingrado

Vejamos o mapa que reproduz o movimento das tropas na Batalha de Stalingrado.

Batalha de Stalingrado
Mapa da Batalha de Stalingrado

Importância para a Segunda Guerra

A Batalha de Stalingrado representou uma completa modificação dos rumos da Segunda Guerra Mundial.

O exército soviético derrotou as tropas nazistas em novembro de 1942, com uma contraofensiva que só terminou na primavera de 1943.

A vitória na Batalha de Leningrado provou que o Exército Vermelho tinha plena capacidade de vencer o exército alemão. A partir de 1943, os nazistas começam a recuar, pois já não conseguiam avançar em nenhuma frente de batalha.

Hitler se vê encurralado com o desembarque das tropas Aliadas na Normandia, em 1944. Os alemães se deparam com as duas frentes de batalha (Ocidente e Oriente) cercadas.

Além disso, os países Aliados também recuperam regiões estratégicas do norte do continente africanoEra o início do declínio do regime nazista.

Curiosidades sobre a Batalha de Stalingrado

Vejamos algumas curiosidades sobre a Batalha de Stalingrado:

  • Foram utilizadas mais de 10 mil armas.
  • Os alemães contaram com a perda de cerca de um quarto de seu exército.
  • Quase 700 tanques foram utilizados.
  • Esta batalha envolveu mais de 2 milhões de pessoas.

Filmes sobre a Batalha de Stalingrado

Elaboramos uma pequena lista de filmes sobre a Batalha de Stalingrado:

  • Morreram pela Pátria, de Serguêi Bondartchuk (1976)
  • Círculo de Fogo, de Jean-Jacques Annaud (2001)
  • Stalingrad, de Fedor Bondarchuk (2013)

Stalingrado hoje

Com a ascensão de Nikita Kruschev (1894-1971) ao poder, a cidade de Stalingrado teve seu nome substituído por Volgogrado. O intuito era tirar todos os vestígios do governo de Stalin do território soviético.

Mesmo assim, a guerra e a batalha marcaram a vida dos habitantes desta cidade, seja nos monumentos que se encontram espalhados por Volgogrado, seja pela memória da população.

A cidade comporta uma enorme estátua de 85 metros, intitulada como Mãe Pátria. Ela foi construída para homenagear os soldados soviéticos que guerrearam na Batalha de Stalingrado.

Batalha de Stalingrado
Mãe Pátria, inaugurada em 1967.

Saiba mais em:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More