Citocinina

Continue lendo para conhecer o funcionamento desse hormônio vegetal.


citocinina é um hormônio vegetal sintetizado nas regiões meristemáticas e depois distribuído pelo restante do corpo da planta através do xilema.

Citocinina
Citocinina

Esse hormônio foi descoberto na década de 1940 por Johannes van Overbeek durante um experimento com a cavalinha (Equisetum arvense) e a samambaia (Dryopteris crassirhizoma).

Esse experimento buscava respostas para fatores envolvidos no crescimento e desenvolvimento celular de tecidos das plantas isolados em tubos de ensaio.

Johannes van Overbeek esperava encontrar aditivos químicos para aumentar a reprodução das células vegetais. E ele descobriu que o balanço correto entre a auxina e a citocinina estimulavam a formação das raízes e partes aéreas, chamadas de calo, quando estão in vitro.

Hoje, sabe-se que, quando a citocinina é aplicada nas gemas laterais, ela quebra a dormência das gemas que produzem novos ramos, ou seja, estimula a divisão celular naquele local, provocando o brotamento das espécies.

Função da citocinina

Uma função da citocinina é estimular as divisões celulares e, dependendo da sua concentração, ela também pode:

  • Aumentar a quantidade de clorofila nas folhas;
  • Acelerar a germinação;
  • Aumentar a produção de folhas próximas ao meristema apical;
  • Inibir a dominância apical, pois tem efeito contrário a auxina;
  • Retardar a senescência da planta.

Os hormônios vegetais, mesmo quando aplicados de forma exógena, não atuam sozinhos, eles agem sempre em conjunto com outros hormônios produzidos pelas plantas.

Sendo assim, o aumento ou diminuição da concentração de um hormônio pode afetar a atuação do outro.

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More