Iduna – Conheça a deusa da imortalidade e guardiã do pomar sagrado na mitologia nórdica

A mitologia nórdica era responsável pelas crenças e lendas dos povos escandinavos. Assim, uma das deusas importantes e representantes dessa cultura é a deusa Iduna. Conheça quem é essa deusa e seus símbolos.

0

A mitologia nórdica faz parte da história dos povos escandinavos, criados na época da Era Viking, compreendida entre os séculos VIII e XI. Esses povos acreditavam na mitologia como uma forma de prática religiosa, com rituais, crenças e lendas que eram transmitidos de forma oral.

Os escandinavos utilizavam dessas lendas para explicar fenômenos da natureza, a origem da humanidade, a vida após a morte, entre outros. Com isso, surgiram vários deuses e outras figuras como símbolo da cultura e religião nórdica.

Uma das deusas importantes para essa cultura era a deusa Iduna, responsável pela imortalidade dos deuses.

Iduna – Deusa da imortalidade

Os deuses são figuras grandiosas e detentoras de poder. Em decorrência disso, muitos já os imaginam como seres imortais. Mas, na verdade, eles se tornam imortais somente após comer o fruto da longevidade fornecido por Iduna.

A deusa Iduna, chamada também de Idun, que significa “o rejuvenescedor“, é guardiã do pomar sagrado onde estão as maçãs que garantem e restauram a juventude pela eternidade aos deuses do Aesir.

Isto é, sem esse fruto os Deuses seriam apenas mortais. Por isso, ela pode ser vista como a responsável pela proteção da imortalidade de todos os deuses.

Além disso, Idun é uma deusa muito bela, com longos cabelos dourados, sendo representada como a da deusa da primavera e eterna juventude.

Família

Idun é casada com Bragi, o deus Nórdico da poesia e da música e, por isso, também é considerada a deusa da poesia. Além disso, ela é filha do anão Ivald.

Tradição

Uma tradição comum nos tempos antigos entre os povos escandinavos era enterrar os mortos cercados de maçãs para que eles pudessem renascer, em referência as maçãs da imortalidade de Iduna.

Além disso, podem ser feitos rituais para a Deusa como pedido de ventos frescos na vida, com desejos de renovações, rejuvenescimento e renascimento.

Símbolo

O símbolo da deusa Iduna é uma maçã dourada, seu fruto sagrado, e como cores são o verde e o vermelho. Além disso, a harpa, cestos de maçãs e a primavera também podem ser símbolos da deusa.

Veja também:

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.