Conheça as 14 cidades mais antigas do Brasil

O Brasil possui muitas cidades históricas, fundadas no início da colonização do país. Conheça e se encante pelas 14 cidades mais antigas do Brasil.

0

As primeiras cidades brasileiras foram criadas para acomodar europeus, que colonizavam o país, e favorecer o comércio através da industrialização. Além disso, as estadias nesses lugares eram necessárias para controle e domínio da região.

Assim, algumas cidades foram construídas já nos tempos iniciais da colonização, quando os portugueses se estabeleceram no Brasil.

As cidades mais antigas são consideradas centros históricos e são alvo de viagens turísticas no país. Elas possuem histórias sobre o passado brasileiro e a maioria abriga paraísos naturais. Vamos ao tour pelas cidades mais antigas do Brasil?

Cidades mais antigas do Brasil

1 Cananéia (SP) – 1531

Cananéia (SP) – 1531

A cidade de Cananéia possui o posto de cidade mais antiga do Brasil. Ela teria sido fundada em 12 de agosto de 1531, por Martim Afonso de Souza.

Localizada a 265 km da cidade de São Paulo, atualmente a cidade possui mais de 12 mil habitantes e ainda preserva casas do período colonial. Assim, possui uma característica histórica e também apresenta belíssimas paisagens litorâneas, atraindo diversos turistas.

Entretanto, alguns historiadores refutam Cananéia como a cidade mais antiga e apontam São Vicente como a dona deste título. Esse fato acontece por não possuir registros oficiais que comprovam a fundação da Cananéia.

2 São Vicente (SP) – 1532

São Vicente (SP) – 1532

São Vicente também foi fundada por Martim Afonso, com registros oficiais de 22 de janeiro de 1532. Neste local, o fundador possuía uma casa, que até hoje tem uma parte preservada, sendo considerada como o marco zero do Brasil.

Atualmente a cidade possui mais de 360 mil habitantes, sendo a segunda cidade mais populosa do litoral paulista.

Além disso, possui muitas praias famosas e encantadoras, como Gonzaguinha, Itararé e a ilha de Porchat.

3 Igarassu (PE) – 1535

Igarassu (PE) – 1535

A cidade de Igarassu é a cidade mais antiga de Pernambuco e está entre as cinco mais antigas do país. Foi fundada no dia 9 de março de 1535, por Duarte Coelho, como dono da capitania de Pernambuco.

Além disso, a região abriga, segundo o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), o templo católico mais antigo do país, chamado de Igreja dos Santos Cosme e Damião.

A cidade está localizada a 27 km da capital Recife e possui limite ao leste com o mar. Assim, apresenta praias belas e históricas, como a Praia dos Marcos, onde desembarcou Duarte Coelho em 1535.

4 Olinda (PE) – 1535

Olinda (PE) – 1535

Olinda é considerada Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), desde o ano 1982. A cidade foi palco de diversos acontecimentos no período Colonial e foi a região mais desenvolvida do Brasil Colônia.

Foi fundada em 12 de março de 1535 pelo donatário da Capitania de Pernambuco, Duarte Coelho. Além disso, Coelho fundou o primeiro engenho de açúcar e desenvolveu sua agricultura.

A cidade esta localizada a 7 km de Recife e é considerada um grande centro histórico, preservando toda a arquitetura do passado.

Em Olinda estão localizados a Basílica de São Pedro e o Elevador Panorâmico e a Santa Casa de Misericórdia de Olinda, primeiro hospital do Brasil. Somado a isso, possui também a Igreja do Rosário dos Pretos de Olinda, sendo esta a primeira igreja do Brasil pertencente a uma irmandade de negros.

5 Vila Velha (ES) – 1535

Vila Velha (ES) – 1535

Vila Velha é uma cidade localizada no Estado Espírito Santo, a 12 km da capital Vitória. Foi fundada no dia 23 de maio de 1535, pelo português Vasco Fernandes Coutinho, o qual era capitão donatário da Capitania do Espírito Santo.

Além disso, Vila Velha foi capital da capitania até 1549, quando a a mesma foi transferida para Vitória. Assim, essa cidade se configura como a cidade mais antiga do estado e apresenta obras históricas que se tornaram pontos turísticos. Exemplo disso é o Convento da Penha, construção tombada como Patrimônio Histórico e Cultural pelo IPHAN, sendo um dos santuários religiosos mais antigos do Brasil.

Possui também a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, o Forte de São Francisco Xavier de Piratininga e o Farol de Santa Luzia. Além disso, Vila Velha possui 32 km de litoral, com praias belíssimas e destino turístico, como a Praia de Itapuã, Itaparica e Praia da Costa.

6 Recife (PE) – 1537

Recife (PE) – 1537

A capital de Pernambuco é uma das cidades mais antigas do Brasil, no 6º lugar dessa lista. A cidade de Recife foi fundada no dia 12 de março de 1237 na área portuária da Capitania de Pernambuco.

Além disso, é a capital estadual mais antiga do Brasil e foi, por 24 anos, a sede da colônia da Nova Holanda, no séc XVII. Também foi muito importante e conhecida em todo o mundo em virtude da cultura da cana-de-açúcar e ao pau-brasil.

Recife é a cidade nordestina com o maior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e representa o quarto aglomerado urbano mais populoso do Brasil.

Além disso, detém um centro histórico com prédios monumentais, museus, galerias e espaços culturais. Somado a isso, Recife encanta com suas festas características da cultura local e muito conhecida pelo seu Carnaval.

As belezas naturais também são alvo e atuam como símbolos da cidade, abrigando ilhas, penínsulas e manguezais.

7 Iguape (SP) – 1538

Iguape (SP) – 1538

Iguapé é uma cidade localizada no extremo sul do Estado de São Paulo e apresenta a maior extensão territorial do estado. Foi fundada em 3 de dezembro de 1538 pelo espanhol Ruy Garcia Moschera.

Por ser uma cidade litorânea, suas praias atraem muitos turistas, mas sua característica histórica e arqueológica também disputam atenção turística.

Por isso, é um dos destinos turísticos muito escolhidos da região do estado. Assim, além de dispor de belas prais, possui construções coloniais preservadas da época de sua fundação, como casas e igrejas.

Além do mais, detém um sítio arqueológico chamado “Benedito Fortes”, próximo a Ilha Comprida, onde encontram-se vestígios dos grupos que residiam na região. Esses nativos eram povos primitivos que viviam ali antes da chegada dos índios com a cultura do arco e flecha, chamados de “Homens do Sambaqui”.

Somado a isso, Iguape possui o maior conjunto de construções preservadas construídas na era colonial do Estado de São Paulo.

8 São Mateus (ES) – 1544

São Mateus (ES) – 1544

São Mateus é um cidade histórica e serviu como porta de entrada para africanos escravizados, trazidos no período colonial, e italianos que colonizaram a região. Ademais, é a segunda cidade mais antiga do estado, sendo fundada em 21 de setembro de 1544, quando chamava-se Povoado do Cricaré.

Entretanto, em 1566 foi rebatizada para o nome atual pelo padre José de Anchieta, responsável por feitos de cristianização de povos indígenas no Brasil.

Além disso, a cidade possui 43 km de litoral e são encontradas três bacias hidrográficas dentro do município, formando cachoeiras e rios.

9 Santos (SP) – 1546

Santos (SP) – 1546

Santos é uma cidade portuária, localizada no Estado de São Paulo. Foi fundada no dia 26 de janeiro de 1546, ocupada por portugueses e espanhóis. A cidade abriga o maior porto da América Latina e ocupa a quinta posição entre as cidades mais importantes para a economia brasileira.

Além do bom desempenho econômico o município se preocupa com a preservação ambiental. Assim, as medidas são tomadas pelos departamentos de meio ambiente, junto a ações de universidades e instituições científicas.

Com isso, a cidade possui os Jardins da Orla de Santos, sendo classificado como o maior jardim frontal de praia em extensão do mundo. Ele foi inaugurado em 1945, pelo então Presidente da República Getúlio Vargas.

Somado a isso, apresentam espaços culturais e históricos. Tem-se como exemplo o Museu do Café Brasileiro, o Panteão dos Andradas, Catedral de Santos, Teatro Coliseu Santista, entre outros.

10 Salvador (BA) – 1549

Salvador (BA) – 1549

Salvador foi a primeira sede da administração do Brasil Colônia, fundada no dia 29 de março de 1549, por Tomé de Sousa. Entretanto, quando foi criada a região era denominada “São Salvador da Bahia de Todos os Santos”.

Atualmente é a capital da Bahia e preserva muitas obras e aspectos culturais da época colonial. Além disso, possui forte influência da cultura africana na sua religião, festas e cultura.

Somado a isso, Salvador está apenas atrás da cidade do Rio de Janeiro, como principais destinos turísticos do país. A cidade apresenta igrejas históricas, praias fascinantes e o famoso Pelourinho, bairro histórico que possui um conjunto arquitetônico colonial.

Além disso, o Pelourinho é classificado como patrimônio histórico pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

11 Vitória (ES) – 1551

Vitória (ES) – 1551

Vitória, capital do Espírito Santo, foi fundada dia 8 de setembro de 1551, com o nome de Vila Nova. Este nome foi dado a nova capital da capitania em referência a Vila Velha, que deixou de ser a capital da capitania devido as disputas de terras com indígenas.

A região abriga e preserva igrejas, catedrais, casas e museus históricos, que remetem as épocas do período colonial e outros períodos históricos da região.

Além do lado histórico, Vitória possui belas praias, como a Praia de Camburi, com 6 km de extensão, lha do Boi e Praia do Canto.

12 São Paulo (SP) – 1554

São Paulo (SP) – 1554

São Paulo é a cidade mais populosa de todo o hemisfério sul e configura um dos principais centros financeiros da América do sul. A cidade foi fundada no dia 25 de janeiro de 1554 e teve seu início quando foi inaugurado um colégio jesuíta para catequizar os índios.

Atualmente esse colégio histórico se encontra no centro da metrópole, região onde também são preservadas construções do período colonial.

A cidade de São Paulo abriga muitas pessoas de diferentes nacionalidades e de diferentes regiões do país. Assim, nessa cidade é possível encontrar manifestações culturais, históricas e gastronômicas diversas.

13 Mogi das Cruzes (SP) – 1560

Mogi das Cruzes (SP) – 1560

Mogi das Cruzes foi fundada no dia 1 de setembro de 1560, servindo como um ponto de repouso para bandeirantes e exploradores vindo ou indo a São Paulo.

As principais atrações turísticas São o Pico do Urubu, o Parque Centenário, a Pedreira de Sabaúna, Parque Leon Feffer e a Represa do Rio Jundiaí.

14 Rio de Janeiro (RJ) – 1565

Rio de Janeiro (RJ) – 1565

A cidade do Rio de Janeiro é frequentemente denominada como a “Cidade Maravilhosa” em virtude da suas belas paisagens, sendo o principal destino turístico de todo o Hemisfério Sul.

A capital fluminense foi fundada nos dia 1 de março de 1565 e atualmente é conhecida internacionalmente e a segunda maior metrópole do Brasil. Seus principais símbolos são parte da sua paisagem, como Pão de Açúcar, o Morro do Corcovado, as prais e calçadas de Copacabana.

Além desses, o Cristo Redentor, os arcos da Lapa, a Biblioteca nacional e o Samba são ícones do Rio de Janeiro. Com isso, parte da cidade foi registrada como Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO.

Veja também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.