Poseidon, Deus do mar

Irmão de Zeus, Poseidon é um dos olimpianos da mitologia grega. Conheça a história do deus dos mares e oceanos.

0

Representado por um homem forte, dono de uma vasta barba e sempre com um poderoso tridente em mãos, Poseidon é o deus dos mares e oceanos. Além disso, é um dos doze deuses do Olimpo, ou seja, está entre os principais nomes da mitologia grega.

É também o protetor das águas, deus da fertilidade e auxiliar dos marinheiros. Estes sempre recorriam a sua ajuda, inclusive, com sacrifícios e ofertas. Junto com Zeus, o deus dos céus, e Hades, deus do submundo, ele é considerado um dos três governantes do mundo.

Por ser o deus dos mares, sempre viveu no mundo aquático, sendo responsável pelas tempestades, tormentas e maremotos acontecidos nos oceanos. Entre as principais características de sua personalidade está o temperamento explosivo, instável e violento. Também é conhecido pelo humor difícil e raiva, principalmente durante embates com seus inimigos.

Seu tridente ficou conhecido principalmente por seu usado no governo dos mares. Era, também, responsável pelas tempestades e pelas águas que brotavam do solo. Em algumas histórias, o deus sempre está associado a presença de um golfinho.

História de Poseidon

Veja mais sobre: Mitologia egípcia », Mitologia grega »

Poseidon é filho de Cronos e Reia, portanto irmão de Zeus, o mais poderoso de todos os deuses. É também irmão de Hera, Héstia, Deméter e Hades. Na mitologia, seu pai é muito conhecido por engolir os filhos, temendo que ele lhe tirassem do trono para assumir seu lugar.

Porém, assim como Zeus, Poseidon foi preservado por sua mãe. No momento em que ele nasceu ela mentiu ter dado a luz a um cavalo. Se casou com Anfitrite, porém, ao longo da vida se envolveu em uma infinidade de outros relacionamentos, por meio dos quais vários filhos foram gerados.

Quando conheceu sua esposa, imediatamente se apaixonou por ela. Contudo, o sentimento não foi correspondido. Mesmo ela o recusando, poderoso que era, Poseidon a obrigou a se casar com ele. Para evitar o casamento ela se escondeu nos lugares mais profundos do mar.

Artigos relacionados
1 De 4

Com o passar do tempo, Anfitrite mudou de ideia e os dois acabaram se casando, o que fez com que ela se tornasse a rainha dos oceanos. Tiveram um filho que recebeu o nome de Tritão.

Fora do casamento, é pai de Pégaso, um cavalo alado gerado por Medusa e de Arion, um cavalo gerado em conjunto com a própria irmã Deméter. Tentando fugir do irmão, que a desejava, ela transformou-se em um égua. Obstinado em atingir seu propósito, Poseidon transfigurou-se em um garanhão e juntos tiveram Arion.

Disputou com a deusa da sabedoria, Atena, para ser a divindade da cidade que hoje é conhecida por Atenas. Ele criou uma fonte que jorrava água salgada no local, enquanto ela fez nascer uma oliveira. Os jurados, considerando que a árvore era mais útil, deram a vitória a ela.

Um de seus maiores feitos foi na Guerra de Tróia, quando junto com o deus Apolo, em ajuda ao rei, construíram os muros da cidade.

Em contrapartida, o rei prometeu a eles uma recompensa. Porém, foram enganados pelo monarca. Enfurecido, Poseidon queria se vingar a qualquer custo. Concretizou seu desejo enviando um monstro do mar que saqueou todo o território pertencente a Tróia. Além disso, durante a guerra permaneceu ao lago dos gregos.

Curiosidades sobre Poseidon

  • Na mitologia romana é chamado de Netuno;
  • Seu nome, no grego clássico significa Posis = mestre e dawōn = água, ou seja, Mestre das Águas.
  • Também é conhecido como deus dos terremotos;
  • A maioria de seus filhos eram monstros, ou de certa forma, estavam ligados a maldade. Alguns dos mais conhecidos são gigantes e ciclopes;
  • Criou os cavalos a partir da espuma do mar e deu aos seres humanos como um presente, por isso, o animal frequentemente aparece em suas histórias.

Quer ver mais? Veja a lista completa dos Deuses Gegos: Todos os Deuses Gregos

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.