Zeus – O maior deus da Mitologia Grega

Conheça a história do deus supremo dos outros deuses gregos e dos humanos, além de governante do Olimpo.

0

É impossível falar de Mitologia Grega sem citar um de seus principais representantes. São muitas as histórias, lendas e mitos que envolvem o deus supremo do Olimpo, o poderoso Zeus.

Ele foi muito popular e adorado entre os demais deuses da Grécia Antiga e também pelos mortais daquela época. Considerado pai das demais divindades, além de governar o Olimpo, ele é o deus do céu, da ordem, da justiça, dos relâmpagos e trovões.

História de Zeus

Zeus foi o último filho dos titãs Cronos e Réia. Com medo de que a profecia de Gaia – a mãe terra – se cumprisse e ele perdesse o trono para um de seus filhos, assim que eles nasciam, Cronos os devorava.

zeus deus grego estatua
Estatua de Zeus (deus grego)

Quando Zeus estava prestes a nascer Réia decidiu que não perderia mais um filho. Dessa forma, quando o deus nasceu na ilha de Creta, ao invés de entregar a criança para o marido, ela entregou uma pedra embrulhada em vários pedaços de pano.

Ainda bebê Zeus foi enviado para o monte Ida, onde cresceu aos cuidados de Gaia. Já adulto, a profecia se cumpriu e ele partiu para derrotar seu pai. Antes disso, se disfarçou de criado e deu-lhe um líquido mágico para recuperar os irmãos engolidos: Poseidon, Hades, Hera, Deméter e Héstia.

De fato, depois de uma longa guerra ele conseguiu derrotar Cronos e resgatar os outros deuses e ciclopes aprisionados pelo seu pai. Os últimos, em agradecimento, lhe deram como armas os relâmpagos e trovões.

A partir daí regressou para o Olimpo como o senhor de todos os deuses, homens, dos Céus e de toda a Terra. Ele dividiu o domínio do mundo como os irmãos Hades, senhor do reino dos mortos e Poseidon, senhor das águas.

Ao longo da vida teve diversas esposas, sendo que a principal delas foi Hera. Juntos eles geraram os deuses Ares, Ilitia, Éris, Hebe e Hefesto. Além dela, outras esposas conhecidas foram Métis, Têmis e Mnemósine. No mais, há inúmeras histórias provenientes de seus relacionamentos extraconjugais.

Características de Zeus

Em suas estátuas, a representação mais recorrente é de um homem forte e imponente. Carregando seus raios a todo momento, sua aparência é bela. Seus cabelos longos e encaracolados são complementados pela barba curta.

Zeus com coroa de louros

Um de seus principais poderes era o controle do tempo. Além disso, tinha a capacidade de dominar os raios e os trovões. Ele podia, ainda, mudar sua aparência física, transformando-se em outras pessoas e em animais e mudar a própria voz.

Esses truques eram muito usados quando ele queria conquistar alguma deus ou mortal. Ele se metamorfoseou em cisne para conquistar Leda e em touro para conquistar Europa.

Apesar de ser considerado sábio, prudente, justo e misericordioso, ele se irritava facilmente e quando isso acontecia, ficava imprevisível. Ele costumava castigar os humanos lançando longas tempestades sobre a terra e os outros seres mitológicos com punições severas.

O poeta grego Hesíodo se referia a Zeus como o senhor da justiça, por ser aquele que instalou a paz em lugar da violência. Foi cultuado em inúmeros locais, recebendo diversos títulos. Alguns de seus templos mais famosos foram em Creta, onde ele nasceu, e em Olímpia.

Na mitologia romana seu representante é o deus Júpiter.

Filhos de Zeus

Além dos inúmeros relacionamentos extraconjugais que despertavam a ira da deusa Hera, Zeus teve vários filhos com outras deusas e mortais, originando os heróis ou semi-deuses.

Algumas histórias do nascimento dos filhos de Zeus são muito interessantes, como a de Atena. Temendo que a filha nascesse mais forte e inteligente e tomasse o seu lugar, o deus iludiu a mãe dela quando estava grávida para que se transformasse em uma mosca e a engoliu.

Passado algum tempo, sentindo fortes dores de cabeça, ele pediu para que Hefesto cortasse sua cabeça, de onde saiu a filha Atena, já adulta, vestindo sua armadura característica.

Outro episódio curioso, é o do nascimento de Dionísio. Quando sua mãe engravidou ela não sabia que Zeus era um deus. Um dia, instigado por Hera, ele apareceu para ela sua forma original.

O brilho da divindade foi tamanho que ela não suportou vê-lo e partiu-se em pedaços, incluindo o bebê. Para salvar o filho, Zeus costurou o coração dele à sua coxa, até que ele tivesse idade suficiente para nascer.

Lista dos principais filhos de Zeus

Com outras deusas:

Hera – Ares, Ilitia, Éris, Hebe e Hefesto
Leto – Apolo e Ártemis (gêmeos)
Maia – Hermes
Métis – Atena
Deméter – Perséfone
Dione – Afrodite
Mnemosine – As nove musas (Calíope, Clio, Erato, Euterpe, Melpômene, Polímnia, Terpsícore, Talia e Urânia)

Com mortais:

Alcmena – Hércules
Danae – Perseu
Europa – Minos, Radamanto e Sarpedão
Io – Épafo
Leda – Pólux, Castor e Helena de Tróia
Sêmele – Dionísio
Calisto – Arcas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.