Lenda do Barba Ruiva – Folclore brasileiro

Esse homem capaz de envelhecer ao longo do dia é popularmente conhecido no folclore brasileiro. Conheça a lenda do Barba Ruiva!

0

A lenda do Barba Ruiva é originária da Região Nordeste e conta a história do filho da sereia Iara, conhecido por correr atrás de moças que beiram lagos.

Lenda do Barba Ruiva

A lenda diz que a filha primogênita de uma viúva adoeceu e ninguém sabia a razão. Então, foi descoberto que ela estava grávida do namorado falecido da mãe. Tomada por vergonha, a jovem fugiu de casa, colocou seu bebê em um cesto e enviou-o junto às águas do Rio Paranaguá, no Piauí.

Apesar do perigo, o menino não ficou desamparado. A Iara o salvou de um terrível afogamento e, assim, tomou conhecimento das atitudes daquela mãe. Enfurecida, Iara inundou o local e criou uma lagoa.

Os moradores locais afirmam ouvir o choro de um bebê nesse local e as mulheres contam de uma estranha experiência. Aquelas que visitam a água relataram um homem alto, forte e ruivo do outro lado do rio.

De acordo com a lenda, o homem envelhece ao longo do dia, iniciando como uma criança e finalizando como um velho, para então recomeçar no dia seguinte.

O desejo do Barba Ruiva é achar uma mulher para quebrar seu encanto, por isso, tenta desesperadamente se aproximar das moças.

Origem da lenda do Barba Ruiva

A lenda do Barba Ruiva apresenta elementos de histórias indígenas e portuguesas, uma vez que existiu um almirante conhecido por esse nome.

O nome verdadeiro do homem era Khizr Reia, grego de nascimento que viveu de 1470 a 1546. Há também influência cristã por existirem relatos de que o encanto seria quebrado por meio de um banho de água benta.

Leia também:

PUBLICIDADE

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.